Futebol

Campeonato Inglês: saiba o que aconteceu na partida entre City e Chelsea

Publicado às

Colaborador do Torcedores

Nesta quarta feira, que começou com os clássicos do futebol internacional, aconteceu a rodada 31 do campeonato inglês.

O clássico entre Manchester City e Chelsea era o destaque do dia do campeonato inglês. O time londrino tinha vindo de uma derrota no final de semana para o Crystal Palace, em Stamford Bridge por 2-1, e precisava da vitória para manter distância do Tottenham, que vem de uma boa sequência de resultados positivos.

Antes de entrar em campo, o time de Conte tinha uma pressão a menos: Swansea havia aberto o placar e o melhor, com a má escolha de se iniciar com Sissoko, e Son não conseguindo encaixar no ataque, o Tottenham não demonstrava sinais de que poderia virar. Hazard abriu o placar em Londres e ainda no primeiro tempo, o clube tomou o empate após erro na saída de bola de Courtois, Aguero aproveitou para deixar tudo igual e aos 34 minutos, Fernandinho derruba Pedro na área, Hazard bate o pênalti, erra, mas marca no rebote.

LEIA MAIS:
CHELSEA X MANCHESTER CITY: ACOMPANHE O PLACAR AO VIVO

Estava tudo a favor do Chelsea. Caso os placares em Gales e Londres se mantivessem iguais aos do primeiro tempo, o clube abriria mais 3 pontos de vantagem dos Spurs, somando 10, faltando 7 rodadas para terminar o campeonato. Mas na Premier League nada é tão simples. O título, que está nas mãos dos blues desde a sequência de 13 vitórias, ainda não foi completamente entregue e o Tottenham mostrou isso no segundo tempo, fazendo uma virada espetacular em 2 minutos: aos 88, Ali empatou o jogo e aos 91, Son virou. Erikssen ainda deixou o dele nos acréscimos. O Chelsea manteve o resultado de 2-1 até o fim do jogo.

Nos dois jogos valem dois destaques dentro de campo: primeiro para a defesa compactada do Chelsea que deixou o City tocando no meio de campo, gastando tempo, e evitando a infiltração e segundo para a atuação de Janssen que entrou bem no jogo e deu assistência (jogou bem também contra o Burnley – o Tottenham tem tido dificuldades para encontrar atacantes desde a contratação de Soldado. Tirando Kane, o único que vingou foi Adebayor).

Com o tropeço de Liverpool (2-2 Bournemouth), United (1-1 Everton) e City, o Arsenal (venceu por 3-0 West Ham) ganha fôlego na busca pela Champions League. Os Gunners, que tem um jogo a menos junto com o United, pode chegar aos 57 pontos, ficando a apenas 1 atrás do Manchester City. Na briga pra escapar do rebaixamento, o Hull City venceu o Middlesbrought por 4-2 e subiu pra décimo sétimo, deixando o Swansea na zona.