Goleiro esquece atacante, falha feio e dá vitória a rival no último minuto; veja

Eram jogados 47 minutos do segundo tempo em Guadalajara quando o goleiro Cristian Campestrini fez uma boa defesa após chute de fora da área. Para ganhar tempo, o arqueiro se jogou no chão. O Puebla começara fazendo 2 a 0, mas cedeu o empate ao Chivas. A essas alturas, o 2 a 2 estava de bom tamanho. Com toda a calma do mundo de quem quer manter o resultado, Campestrini levantou e soltou a bola no chão para dar um chutão para a frente.

Redação Torcedores
Textos publicados pela Redação do Torcedores.com.Contato: redacao@torcedores.com

Crédito: Foto: Reprodução/Twitter oficial do Chivas Guadalajara

Quando a bola foi chutada de fora da área, o atacante Carlos Fierro havia corrido para pegar um possível rebote. Porém, o goleiro do Puebla não deu chance ao camisa 21 do Chivas Guadalajara, que ficou se lamentando ao lado da trave. Fierro andava tranquilamente pela área rival quando viu Campestrini soltando a bola para fazer a reposição. O atacante deu um pique, tomou a frente do goleiro, que até então não tinha percebido sua presença, e fez o gol da virada heróica do Chivas Guadalajara.

Veja o lance do gol:

VEJA TAMBÉM:
Vasco não vence Flamengo há quase um ano; veja o que mudou

O lance não foi a única contribuição do Puebla para a vitória do Chivas Guadalajara. O gol de empate da equipe da casa foi marcado pelo zagueiro Osvaldo Centurión, do Puebla. Na tentativa de cortar um cruzamento do rival, Centurión pegou de canela na bola e acabou jogando contra o próprio patrimônio.

Com a vitória, o Chivas Guadalajara assumiu, provisoriamente, a liderança do Torneio Clausura do Campeonato Mexicano, com 24 pontos, e torce por um tropeço do Toluca contra o Pumas neste domingo. Já o Puebla, com a derrota, caiu para a última posição do campeonato.