Vale o Oscar? Gandula se desentende com jogador da La U e simula agressão; veja

Corinthians x Universidad de Chile se enfrentaram na noite desta quarta-feira, em Itaquera, pelo jogo de ida da primeira fase da Copa Sul-Americana. Uma cena chamou a atenção no último minuto do primeiro tempo. Um gandula retardou a reposição da bola, levou um leve tapa no braço do zagueiro Jara e se contorceu de dor, simulando ter sido atingido no peito.

Rafael Alaby
Rafael Alaby é jornalista diplomado pela FIAM (Faculdades Integradas Alcântara Machado), com passagens pela Chefia de Reportagem de Esportes, da TV Bandeirantes, em São Paulo e site KiGOL. Pós-graduado em Jornalismo Esportivo e Negócios do Esporte (FMU)

Crédito: Foto: Reprodução/Globo

Assista:

O árbitro chegou a dar bronca no gandula e ameaçá-lo de expulsão caso voltasse a retardar a reposição.

VEJA MAIS:
Torcedores da Universidad de Chile quebram assentos e arremessam em corintianos 
Corinthians x Universidad do Chile: confira os gols da vitória do Timão 

O Timão venceu os chilenos por 2 a 0, com gols de Rodriguinho e Jadson e saiu em ótima vantagem por uma vaga na segunda fase da Sul-Americana. A equipe alvinegra pode perder até por um gol de diferença no próximo dia 10 de maio, em Santiago-CHI.

FICHA TÉCNICA CORINTHIANS 2 x 0 UNIVERSIDAD DE CHILE

Data: 5 de abril de 2017, quarta-feira

Horário: 21h45 (horário de Brasília)

Local: Arena Corinthians, em São Paulo (SP)

Público: 22.661 pagantes

Renda: R$ 982.780,90

Árbitro: Dario Herrera (Argentina)

Auxiliares: Ezequiel Brailovsky (ARG) e Ariel Scime (ARG)

Cartões amarelos: Guilherme Arana, Léo Príncipe e Jadson (Corinthians); Castellanos (Universidad de Chile)

Gols: Rodriguinho, aos 40 minutos do primeiro tempo, e Jadson, aos 23 minutos do segundo tempo.

CORINTHIANS: Cássio; Léo Príncipe, Balbuena, Pablo e Guilherme Arana; Gabriel e Maycon; Jadson (Pedrinho), Rodriguinho (Clayton) e Romero. Técnico: Fábio Carille.

UNIVERSIDAD DE CHILE: Herrera; Rodríguez, Vilches, Jara e Schultz; Reyes, Espinoza (Pizarro) e Lorenzetti; Rozas (Ontivero), Ubilla (Castellanos) e Mora. Técnico: Guillermo Hoyos