Torcedores | Notícias sobre Futebol, Games e outros esportes

Malásia anuncia saída do calendário da Fórmula 1

A Malásia não fará parte do calendário de 2018 da Fórmula 1. Os organizadores da prova de Sepang anunciaram na madrugada desta sexta-feira (7) que a corrida deste ano será a última da principal categoria do automobilismo mundial em Kuala Lumpur. A prova será substituída pelo GP da Alemanha, que não será disputado nesta temporada.

Leonardo Marson
Jornalista com passagens pelas revistas Racing e House Mag.

Crédito: Foto: Getty Images

Os organizadores do GP da Malásia tinham contrato com a Fórmula 1 até a temporada de 2018, mas já haviam anunciado o desejo de não renovar o vínculo para permanência da corrida no calendário por conta dos altos custos para isso. Após negociações com o Liberty Media, novo proprietário da categoria, foi acordada a antecipação do final do contrato.

Em comunicado, o diretor-comercial da Fórmula 1, Sam Bratches, disse que “é sempre muito triste dizer adeus a um membro da família Fórmula 1. Por quase duas décadas, os fãs malaios provaram que são alguns dos mais fanáticos torcedores do esporte”.

“Como dissemos em Melbourne, temos grandes planos para trazer nossa base global de fãs para mais perto do esporte, fornecendo uma experiência digital e criando novos eventos. Estamos ansiosos para falar destes planos ao longo da temporada”, completou o dirigente.

Apesar da saída da Malásia, o calendário de 2018 tende a contar com 21 corridas, uma vez que além da Alemanha, é certo que a França retornará ao campeonato. A Fórmula 1 correrá no circuito de Paul Ricard a partir do ano que vem. Já Sepang seguirá no calendário da MotoGP.

Foto: Getty Images