DESTAQUE

Presidente da Chapecoense se emociona após primeiro título pós-tragédia: “Pra Sempre, Chape!”

Publicado às

Dennys Carvalho é jornalista diplomado pela FIAM (Faculdade Integradas Alcântara Machado) e apaixonado por esportes. Já trabalhou na Rádio Escuta/Produção da REDETV!, operador de TV de uma empresa de monitoramento de mídia e Pós-Graduado em Jornalismo Esportivo e Negócios do Esporte.

Crédito: Foto: Reprodução/Premiere

A Chapecoense foi campeã do segundo turno do Campeonato Catarinense, e conquistou a Taça Sandro Pallaoro neste sábado (15), ao bater o Joinville por 2 a 0, na Arena Condá. O destaque vai para o presidente da Chape, que se emocionou com o primeiro título do clube pós-tragédia do voo em Novembro de 2016.

Ex-presidente do Conselho Deliberativo do clube, Plínio David de Nês, o Maninho, deu uma entrevista emocionada durante a festa da Chapecoense, ainda no gramado. O atual presidente da Chape agradeceu a todos os envolvidos na reconstrução da equipe nesses últimos meses, homenageia Sandro Pallaoro, morto na tragédia e grita: PRA SEMPRE, CHAPE!

LEIA MAIS:
CHAPECOENSE BATE JOINVILLE E CONQUISTA PRIMEIRO TÍTULO PÓS-TRAGÉDIA
CHAPECOENSE FATURA O PRIMEIRO TÍTULO PÓS-TRAGÉDIA; VEJA A REPERCUSSÃO NO TWITTER

“Eu estava conversando com o Apodi, porque ele correu demais. Acho que na época que eu corria de automóvel, na arrancada, ele ganhava. Então eu estava cumprimentando ele, toda a torcida que se fez presente aqui, nos emocionou, a todos vocês da imprensa que nos apoiaram. A comissão técnica, através do professor (Wagner) Mancini, do Rui, do pessoal, que fizeram que a gente pudesse viver esse momento de alegria na Taça Sandro Pallaoro, que muito representa a todos nós de Chapecó, da Chapecoense, do oeste de Santa Catarina, e uma forma de homenagear a família dele também”. 

“Nós queríamos, do fundo do coração, agradecer toda essa torcida, especialmente na festa de gratidão e hoje também é outra festa de gratidão a todos aqueles que fizeram a Chapecoense fundamental para o Sucesso. Então, estamos aqui e vamos continuar e PRA SEMPRE, CHAPE!”