DESTAQUE

Veja como a imprensa repercute o empate do Corinthians no Beira-Rio

Publicado às

Foi editor do semanário BolanoBarbante, apaixonado por esportes, entusiasta das corridas de rua e dos jogos de tênis.

Corinthians x Inter

Foto: Corinthians x Inter

Crédito: Ricardo Duarte/Internacional/Divulgação

Cercado de polêmicas antes mesmo da bola rolar, Internacional x Corinthians disputaram a partida de ida da quarta-fase da Copa do Brasil, no Beira-Rio. Em um duelo emocionante, onde as duas equipes tiveram várias chances, o jogo terminou em um justo 1 a 1.

A Gazeta Esportiva chama a atenção para o bom futebol que as equipes protagonizaram dentro de campo. O tom da crítica é “Corinthians arranca empate no Sul”, já que o resultado foi muito bom para o time comandado por Carille, que decide na próxima semana o seu futuro em Itaquera.

LEIA MAIS:
SÃO PAULO X CORINTHIANS: CLUBES SE MOSTRAM FAVORÁVEIS A CLÁSSICO COM DUAS TORCIDAS

O portal destaca que mesmo com o Internacional buscando valorizar a posse de bola, o Corinthians não se intimidou e pressionou o adversário, ainda que errando bastante passes.

Durante o duelo, o Timão conseguiu bons contragolpes do lado esquerdo com Marquinhos Gabriel e o contestado Romero, que na noite desta quarta deixou sua marca.

Por outro lado, a Folha de São Paulo deu uma ênfase maior ao posicionamento tático do Corinthians, que sem Jô e Jadson, foi a campo com Marquinhos Gabriel e Romero. Desta forma, quando o Colorado atacava, ambos os atletas voltavam na recomposição, buscando fechar os espaços no meio campo.

Além disso, o jornal concorda que o Internacional criou várias chances, mas as melhores foram do Corinthians, que só aproveitou uma chance e nas restantes fez Marcelo Lomba protagonizar alguns milagres.

Já o UOL começa a sua crônica destacando a grande rivalidade das equipes que foi criada durante os últimos anos. O portal chama a atenção para a boa atuação de Arana, que deu o passe para o gol marcado por Romero.

Outra situação destacada pelo portal foram as vaias a Giovanni Augusto, que entrou no segundo tempo e foi bastante hostilizado pelos torcedores do Inter. Vale lembrar que o jogador estava em uma negociação para o clube gaúcho, que também envolvia Valdívia e acabou melando.