Opinião

OPINIÃO: No seu aniversário, o nosso muito obrigado

Publicado às

Colaborador do Torcedores

Crédito: Daniel Augusto Jr/Agência Corinthians

Infelizmente não vi Sócrates jogar, nem o gol do Basílio contra a Ponte Preta. Vi um desconhecido Romarinho marcar gol com frieza na La Bombonera, vi um técnico que era criticado por sua retranca se transformar no profissional mais respeitado do país. Terei o prazer de dizer que acompanhei a trajetória de Adenor Leonardo Bacchi no Corinthians.

LEIA MAIS: “CORINTHIANS USA BASE POR NECESSIDADE FINANCEIRA”, CRITICA ÍDOLO DO CLUBE

Hoje, o responsável por alguns dos títulos inéditos do Corinthians completa 56 anos. Eu e mais 35 milhões de corintianos só temos a agradecer.

O técnico brasileiro mais vitorioso nos últimos anos, agora está em outra seleção e expandiu seu número de admiradores. Deixou saudades. Foram 6 títulos no Corinthians e agora fez o hexa voltar a ser realidade na Seleção Canarinho.

Vou ter o prazer de contar e relembrar sobre a eliminação contra o Tolima e nosso título do brasileiro pós catástrofe. Em 2012, a campanha espetacular que levou o Corinthians para o título da nossa primeira Libertadores, de forma invicta e com direito a Adenor na arquibancada, no meio da Fiel, comemorando a vitória contra o Vasco, depois de ter sido expulso do banco de reservas. Em dezembro, o bi mundial veio, esse, incontestável, Tite levantou uma faixa com “The Favela is here”.

Se despediu do Pacaembu aos gritos de “olê olê olê olê, tite, tite”. Sabíamos que seria um até breve. “Torcedor corintiano é muito apaixonado, torcedor corintiano é muito exigente, torcedor corintiano reconhece muito. Ele me reconheceu muito”, declarou Tite a uma entrevista para o globoesporte em 2013. E a gente vai te reconhecer pra sempre.

Na temporada seguinte ganhamos o Paulistão e a Recopa. Em 2015, o time do Corinthians deitava em campo, melhor campanha do brasileiro em pontos corridos.
Liderabilidade, titebilidade, empatite.

Eu vou falar MUITO, falar MUITO desse cara que conseguiu reformular o time sempre que precisou, que conquistou respeito e fez história. Uma história maravilhosa que jamais será esquecida. Agora, Tite dará o prazer para os outros brasileiros também descobrirem o que é ter o Adenor como técnico. O hexa vem!

Tite, volte logo, te esperaremos sempre de braços abertos e prontos para mais um título.

Parabéns.