Futebol

Atlético-PR define escalação para jogo decisivo na Libertadores

Publicado às

Colaborador do Torcedores

Crédito: Reprodução/ Facebook Oficial Atlético Paranaense

Nesta noite de quarta-feira, 17, o Atlético-PR decide a sua temporada contra a Universidad Católica, no estádio San Carlos de Apoquindo, em Santiago, no Chile. Para classificar à próxima fase da Libertadores, o clube paranaense precisa vencer os chilenos na última rodada de grupos da competição.

Após perder o título do Estadual para o rival Coritiba, ser goleado pelo Bahia, 6×2, na estreia do Campeonato Brasileiro e estar a cinco partidas sem vitórias, o Atlético-PR aposta na vitória no Chile para dar uma respirada nessa temporada. Um empate dá uma vaga a Sul-Americana, a não ser que o Flamengo ganhe do San Lorenzo na partida no mesmo horário. A derrota eliminação total.

Para buscar a vitória e avançar para as oitavas de final, o técnico Paulo Autuori conta com o retorno de Pablo e Carlos Alberto, após lesão. Diferente do atacante que inicia a partida, o meia começará no banco. Thiago Heleno está suspenso e não joga.

No lado chileno, o ambiente é bom. A equipe vem de sete vitórias, dois empates e apenas quatro derrotas na Libertadores e Campeonato Chileno. Para avançar de fase, a Universidad Católica precisa vencer o Atlético-PR e torcer para que o San Lorenzo perca para o Flamengo. A arbitragem será uruguaia com Jonhatan Fuentes auxiliado por Miguel Nievas e Gabriel Popovits.

ESCALAÇÕES CONFIRMADAS

Universidad Católica: Toselli; Magnasco, Kuscevic, Maripán, Parot; Manzano, Buonanotte, Espinosa; Fuenzalida, Silva, Noir. Técnico: Mario Salas.

Atlético-PR: Weverton; Jonathan, Paulo André, Wanderson, Sidcley; Otávio, Matheus Roseto, Lucho González, Pablo; Grafite. Técnico: Paulo Autuori.

LEIA MAIS:

ATLÉTICO-PR PERDE PARA SAN LORENZO E GRUPO 4 DA LIBERTADORES FICA EMBOLADO

ATLÉTICO-PR E CORITIBA DECIDEM PELA 17ª VEZ O CAMPEONATO PARANAENSE