Lutas

Bisping afirma não ter sido informado de cancelamento de luta com GSP

Publicado às

Colaborador do Torcedores

Crédito: Reprodução/Youtube

A decisão do UFC de cancelar a luta entre Michael Bisping e Georges St-Pierre ainda não chegou aos ouvidos do campeão dos pesos-médios do Ultimate. Ao menos é o que o inglês alegou em seu podcast, ‘Believe You Me’

No podcast, ‘The Count’ afirmou que soube do adiamento da luta na imprensa e que ainda espera que a luta contra GSP possa ocorrer no futuro.

LEIA MAIS

JOSÉ ALDO CRITICA ATITUDE DE ANDERSON SOBRE INGRESSOS DO UFC 212

“Não ouvi nada sobre isso. Falei com Georges e ele me disse que não tinha nada de oficial. E nem o UFC ou o Dana White me falaram sobre isso. Sei que muita gente está reclamando dessa demora para acertar a luta com St-Pierre, então vamos ver. Para deixar claro, ainda não ouvi nada e ainda espero (pela luta). Me ofereceram o GSP uma duas vezes, a primeira nunca aconteceu e a segunda foi a que deu certo”, declarou Bisping.

“Tivemos aquela coletiva, apertamos as mãos e fizemos a encarada. E até falamos umas m****s. Tudo bem, não houve acordo, mas o plano era esse. A oferta era essa e eu a aceitei e, para mim, se você faz um acordo, tem que cumpri-lo”, finalizou.

Segundo Dana White, Yoel Romero será o próximo adversário de Bisping pelo cinturão dos médios. Mas o inglês já afirmou que, se essa luta acontecer, terá de demorar um pouco, já que está se recuperando de lesão no joelho.

“Acho que, para falar a verdade, esse cancelamento acabou sendo bom para mim. Não posso lutar agora. Não posso me exercitar e nem treinar. Meu joelho tem me dado muitos problemas. E não melhorou nada depois que voltei da Tailândia. Para encurtar, não vou poder lutar tão cedo e, por isso, acho que essa coisa toda acabou me ajudando”, disse.

 

(Crédito da foto: Reprodução/Youtube)