Futebol

Sem mágoas, Felipe diz que voltaria a jogar em Corinthians e Fla: “Estão no meu coração”

Publicado às

Jornalista com passagens pelo Portal R7, Jornal do Trem, Impacto Comunicação, Dialoog Comunicação e Comunicale.

Crédito: Crédito da Foto: Péterson Neves/Torcedores.com

Autêntico, sem papas na língua e querido pelas torcidas, Felipe possui história marcante em suas passagens por Corinthians e Flamengo. Hoje, sem clube após disputa da última edição do Campeonato Carioca pelo Boavista, o goleiro espera uma chance de voltar ao futebol e não diz não aguardar mágoa de ambos os clubes de maior torcida do Brasil após saídas turbulentas.

Explica-se, Felipe viveu dias de amor e ódio no Corinthians. Em três anos, realizou 193 partidas, conquistou os títulos da Série B (2008), Copa do Brasil (2009) e Paulistão (2009), e deixou o clube após uma briga com o presidente Andrés Sanchez. No Flamengo, a situação se repetiu. Titular absoluto, o goleiro foi deixado de por Vanderlei Luxemburgo, em 2014, e deixou o clube no ano seguinte com 188 partidas e dois Cariocas (2011 e 2014) e uma Copa do Brasil (2013) no currículo.

LEIA MAIS
COM MÃO NO TÍTULO PAULISTA, CARILLE ADMITE QUE VIA CORINTHIANS COMO 4ª FORÇA DE SP
CORINTHIANS PERDE DOIS JOGADORES PARA A DISPUTA DA GRANDE FINAL DO PAULISTÃO
CORINTHIANS ATROPELA PONTE E FIEL PROVOCA RIVAIS NA WEB; VEJA OS MELHORES MEMES

Em entrevista ao Torcedores.com, no evento do dia do goleiro organizado por Zetti, Felipe diz não guardar mágoa de ambos os clubes e aceitaria um retorno.