Futebol

Flamengo desembarca em silêncio sob protestos da torcida: “time sem vergonha”

Publicado às

Jornalista de esportes desde 2005, com passagem pelo UOL e Terra. Editor de comunidades do Torcedores.com e blogueiro do renanprates.com

Crédito: Reprodução

O Flamengo desembarcou nesta quinta-feira no aeroporto do Galeão, no Rio de Janeiro, sem falar com a imprensa após a eliminação na primeira fase da Libertadores.

A repórter Bia Palumbo acompanhou pelo Torcedores.com o desembarque da delegação flamenguista. Apenas o presidente Eduardo Bandeira de Mello falou brevemente com os jornalistas, e disse que o técnico Zé Ricardo seguirá no comando do time.

LEIA MAIS:
Time lamenta gol nos acréscimos que levou à eliminação na Libertadores
Técnico do San Lorenzo festeja classificação: “Ganhou o maior”

VÍDEO: Eduardo Bandeira bate boca AO VIVO com Mauro Cezar, da ESPN

O restante da delegação do Flamengo saiu rapidamente escoltada pelos seguranças. Poucos torcedores estiveram no local. Mas alguns dos presentes gritaram “time sem vergonha” em protesto.

O Flamengo perdeu por 2 a 1 para o San Lorenzo nesta quarta, na Argentina, e foi eliminado da Libertadores na primeira fase porque o Atlético-PR venceu a Universidad Catolica fora de casa por 3 a 2.

O grupo 4 terminou com San Lorenzo e Atlético-PR com dez pontos, seguido pelo Flamengo, com 9, e a Universidad Catolica, com 5.

O Rubro-Negro está de folga nesta quinta-feira. Apenas os jogadores que não viajaram para a Argentina treinarão no Ninho do Urubu.

O Flamengo volta a jogar neste sábado pelo Brasileirão contra o Atlético-GO, às 19h, fora de casa. O time carioca vem de um empate por 1 a 1 contra o Atlético-MG, no Maracanã, na estreia na competição.

Vale lembrar que todos os jogos do Brasileirão terão acompanhamento ao vivo pelo Torcedores.com.

Veja como foi o desembarque do Flamengo