Extra-campo

Neto do ex-técnico Zagallo é baleado na Zona Norte do Rio de Janeiro

Publicado às

Colaborador do Torcedores

Rei das superstições bizarras

Crédito: Crédito da foto: Reprodução/CBF TV

Paulo Roberto Zagallo, de 28 anos, foi baleado durante uma tentativa de assalto e está internado no Hospital Pasteur.

O jornalista Paulo Roberto Zagallo, neto do ex-técnico da seleção brasileira Mário Jorge Lobo Zagallo, foi baleado após sofrer uma tentativa de assalto na madrugada do último domingo (14), na Rua Isidro de Figueiredo, Maracanã, Zona Norte do Rio.

LEIA MAIS:
TITE QUER PAPO COM ZAGALLO SOBRE SELEÇÃO BRASILEIRA

Paulo foi internado no CTI do Hospital Pasteur, no Méier, com ferimentos no braço e em duas costelas, e segundo boletim médico divulgado pelo hospital, seu estado de saúde é considerado estável.

Numa postagem feita em sua conta no facebook, Paulo Roberto agradeceu o apoio dos amigos e familiares, e chegou a relatar o momento do ocorrido.

“Galera, primeiramente gostaria de agradecer o apoio de todos. Só tive acesso às mensagens agora. Muito obrigado, de coração!

Estou bem! Estou no CTI mas tudo sob controle. A princípio estou sob observação e se tudo correr bem, como tem corrido até agora, não será necessário fazer cirurgias.

Explicando o que aconteceu: fui deixar um amigo na Tijuca ontem, por volta das 3h, quando fomos surpreendidos por dois homens em uma moto. Um deles desmontou e veio em nossa direção falando para sair do carro. Ele parou do lado da minha janela (motorista) e apontou a arma. Quando fui abrir a porta para sair do carro, o automóvel andou um pouco pra frente. A reação do bandido foi atirar. Felizmente (poderia ter acertado lugares mais críticos), a bala atingiu meu braço esquerdo e colidiu com as costelas nas minhas costas, onde fraturou duas e depois se alojou na sétima delas. Meu amigo, que estava no carona, sofreu escoriações dos estilhaços de vidro mas não teve ferimentos graves, graças a Deus. Depois disso, os bandidos foram embora levando alguns pertences.

O que importa no fim de tudo isso é que eu e meu amigo estamos bem, considerando o que poderia ter acontecido.

Mais uma vez, obrigado pelo apoio de todos!”.

O caso está sendo investigado pela 18ª DP (Praça da Bandeira). Os agentes buscam imagens de câmeras de segurança que possam ter registrado a ação e testemunhas que possam colaborar com as investigações.