Futebol

“Perdi um jogo na altitude e paguei o pato”, desabafa Eduardo Baptista

Publicado às

Esportista de hobby, mas jornalista de profissão. Trabalhou como repórter do O Estado de S. Paulo, Revista TÊNIS. Tênis Virtual e CurtaTÊNIS em coberturas nacionais e internacionais de grandes eventos.

Crédito: Reprodução/Youtube

Na última quinta-feira, o técnico Eduardo Baptista foi demitido do comando do Palmeiras assim que desembarcou em São Paulo. O presidente do clube, Maurício Galiotte, e o diretor de futebol, Alexandre Mattos, reuniram-se com o treinador na Academia de Futebol para comunicar a decisão.

LEIA TAMBÉM:
Cuca aparece como favorito para reassumir no Palmeiras; empresário explica
Você sabia? Se vendido, Vitor Hugo fará Palmeiras pagar fortuna para Crefisa
Você vai morrer de rir ao saber por que Borja não “ajudou” Prass no Uruguai

Em conversa rápida com reportagem do GloboEsporte.com, Eduardo disse que a demissão faz parte da profissão, mas, de certa forma, mostrou que os números não provavam que o clube precisava de alteração tão imediata.

“Tenho um grande aproveitamento e deixo o time líder da competição (Libertadores). Perdi um jogo na altitude e paguei o pato”, desabafou Eduardo Baptista.

INSATISFAÇÃO

O Verdão é líder do Grupo 5 da Libertadores com 10 pontos, porém o time passou por dificuldades em todas as cinco partidas. Como informou o Torcedores.com, a equipe de Eduardo Baptista só esteve na frente do placar durante seus duelos em 10% do tempo – ou seja, na maioria das vezes precisou correr atrás do resultado, ponto que irritou torcedores.

Reportagem informou que a entrevista coletiva dada por Baptista após a derrota para o Jorge Wilstermann, em Cochabamba, também pegou mal junto à diretoria. O treinador atribuiu a derrota “na altitude”, como citou, ao mau estado do gramado.

No retrospecto geral, Eduardo Baptista comandou o Palmeiras em 23 jogos, com 14 vitórias, quatro empates e cinco derrotas – aproveitamento de 66,6%. No Allianz, foram oito vitórias e dois empates em 10 jogos.

Nesta sexta-feira, o presidente Maurício Galiotte vai conceder entrevista coletiva na Academia de Futebol para falar sobre o futuro da equipe.