DESTAQUE

Santos x Santa Fé: Assista aos melhores momentos da vitória do Peixe

Publicado às

Foi editor do semanário BolanoBarbante, apaixonado por esportes, entusiasta das corridas de rua e dos jogos de tênis.

Crédito: Ivan Storti/ Santos FC/Divulgação

Santos x Santa Fé fizeram um jogo eletrizante nesta quinta-feira, que acabou com a vitória do Peixe por 3 a 2. Depois de ficar na frente por duas vezes e ceder o empate, a equipe de Dorival Júnior sacramentou o importante triunfo na parte final do duelo, segurando a liderança do grupo 2 da Copa Libertadores da América.

Com a vitória, o Peixe contabiliza oito pontos, conseguindo “driblar” a pressão não só dos torcedores, mas a imposta pelo The Strongest, que antes da bola rolar no Pacaembu havia chegado aos sete pontos após a goleada aplicada nos peruanos do Sporting Cristal.

LEIA MAIS:

VEJA QUE O SANTOS PRECISA FAZER PARA GARANTIR SUA VAGA NAS OITAVAS DA LIBERTADORES

Agora, o Santos coloca as atenções na Copa do Brasil, onde enfrenta o Paysandu, em Belém.  Já dia 17, o Peixe retona para a Copa Libertadores, onde encara o The Strongest, em La Paz.

FICHA TÉCNICA
SANTOS 3 X 2 SANTA FE

Local: Estádio do Pacaembu, em São Paulo (SP)
Data: 04 de maio de 2017, quinta-feira
Horário: 21h45 (de Brasília)
Árbitro: Andres Cunha (URU)
Assistentes: Mauricio Espinosa (URU) e Nicolas Taran (URU)
Público: 29.798
Renda: R$ 1.142.620,00
Cartões amarelos: SANTOS: Lucas Veríssimo, Thiago Maia e Ricardo Oliveira SANTA FE: José Moya e Daniel Roa.

GOLS:
SANTOS: Ricardo Oliveira, aos 3 do 1T; Vitor Bueno, aos 33 do 1T; Lucas Veríssimo, aos 33 do 2T;
SANTA FE: Arango, aos 32 do 1T; Perlaza, aos 38 do 1T;

SANTOS: Vanderlei; Victor Ferraz, Lucas Veríssimo, David Braz e Matheus Ribeiro (Copete); Renato, Thiago Maia e Lucas Lima (Cleber Reis); Vitor Bueno (Vladimir Hernández), Bruno Henrique e Ricardo Oliveira.
Técnico: Dorival Júnior

SANTA FE: Leandro Castellanos, Daniel Roa, José Moya, Héctor Urrego e Mosquera; Sebastián Salazar, Perlaza, Leyvin Balanta (Plata) e Jonathan Gómez; Arango e Stracqualursi (Ceter).
Técnico: Gustavo Costas