DESTAQUE

São Caetano vence o Rio Claro, e está de volta a elite do Campeonato Paulista

Publicado às

Colaborador do Torcedores

Crédito: Crédito da foto: Fabrício Cortinove/AD São Caetano

Depois de ter feito sucesso no inicio dos anos 2000, conseguindo um vice da Libertadores e do Brasileirão, além de um título paulista, o São Caetano passou por momentos difíceis, e foi rebaixado nos principais campeonatos que disputava. Mas nesta noite, o time conseguiu finalmente o retornar a elite do futebol de São Paulo, após derrotar o Rio Claro no Anacleto Campanella por 3 a 0 e garantir o acesso para a Série A1 do Paulistão em 2018.

O São Caetano está de volta a primeira divisão do Campeonato Paulista: o Azulão derrotou nesta noite de terça-feira no estádio Anacleto Campanella, o Rio Claro, pelo placar de 3 a 0, após ter empatado a primeira partida da fase semifinal na casa do adversário no último sábado em 2 a 2. Agora, a equipe do ABC Paulista vai disputar a final da Série A2 contra o Bragantino, que também conseguiu o acesso ao vencer nos pênaltis o Água Santa.

LEIA MAIS:
LUIZ FLÁVIO DE OLIVEIRA QUEBRA O TORNOZELO EM JOGO DO PAULISTÃO A-2 E SAI DE AMBULÂNCIA; VEJA

Jogando em casa, o Azulão não quis perder tempo, e logo aos 4 minutos de jogo, abriu o placar: Alex Reinaldo cruzou a bola para dentro da área, e o volante Régis desviou de cabeça, abrindo o placar à favor do São Caetano.

Com o gol sofrido, o Rio Claro passou a adiantar a marcação, tentando complicar a saída de bola do São Caetano. Mas, os cruzamento de Alex Reinaldo de fato estavam dando muito trabalho para a defesa do Galo Azul, e foi desta forma que o Azulão conseguiu chegar ao segundo gol: após cobrança de escanteio de Alex Reinaldo, Diego tentou cortar e fez contra.

Ficar com 2 a 0 no placar, deixou o São Caetano mais tranquilo em campo. O time do ABC Paulista passou a dominar a partida, e conseguiu levar a vantagem para o intervalo. Já o Rio Claro, não tinha outra alternativa, a não ser, ir para cima do adversário.

Por isso, quando as duas equipes retornaram para o segundo tempo, a expectativa era do Rio Claro ir para cima do São Caetano. Mas, o que já era difícil, se tornou ainda pior para o time do interior paulista: o Azulão chegou ao terceiro gol, em mais um cruzamento na área, e Régis novamente desviando a bola para o fundo da rede adversária.

A partir daí, o Rio Claro não teve mais forças para tentar reverter a situação, e a torcida do São Caetano foi contando os minutos que separavam o time do ABC, da elite do futebol paulista. E quando o juiz apitou o final da partida, finalmente a festa tomou conta dos jogadores do Azulão, que no ano que vem, estará na primeira divisão do Campeonato Paulista.