Senna e Schumacher serão homenageados em comemoração aos 50 anos do GP do Canadá

Publicado às

Colaborador do Torcedores

Selos comemorativos GP do Canadá

Crédito: Divulgação/Canada Post

Em 2017, o GP do Canadá completará 50 anos de presença no calendário da F1, e o correio canadense aproveitou a oportunidade para homenagear à alguns pilotos da categoria, como Ayrton Senna, Michael Schumacher e Gilles Villeneuve, estampando os pilotos em selos comemorativos.

Este ano, o Grande Prêmio do Canadá completará 50 anos de presença no calendário da Fórmula 1. E o Canadá Post resolveu homenagear cinco vencedores da categoria, estampando seus rostos em selos, sendo que cada um deles venceram o GP canadense e representam uma década diferente: Jackie Stewart (década de 70), Gilles Villeneuve (década de 80), Ayrton Senna (década de 90), Michael Schumacher (anos 2000) e Lewis Hamilton (década atual).

LEIA MAIS:
5 GAMES IMPERDÍVEIS PARA QUEM GOSTA DE VELOCIDADE
CODEMASTERS ANUNCIA O RETORNO DOS CARROS CLÁSSICOS NO GAME F1 2017

Presente no calendário desde 1967, o GP do Canadá será disputado este ano no dia 11 de junho. A primeira prova no país foi disputado em 1967, o qual foi vencido por Jack Brabham. O maior vencedor do grande prêmio canadense é o alemão Michael Schumacher (um dos homenageados), que venceu sete vezes.

O brasileiro Ayrton Senna venceu em 1988 e 1990, consequentemente os anos em que conquistou os dois primeiros títulos mundiais, enquanto o ídolo local, Gilles Villeneuve, apesar de não ter conquistado nenhum título mundial, foi o único piloto canadense a vencer em Montreal, em 1976, e nos dias atuais ele dá nome ao circuito.