Brasileirão Série D é paralisado, mas não afeta caminho do São Bernardo no mata-mata

A CBF (Confederação Brasileira de Futebol) anunciou nesta terça-feira (28) que a Série D do Campeonato Brasileiro foi paralisado temporariamente. A entidade aguardará o julgamento do São Raimundo-PA, denunciado por uso de jogador irregular. Caso condenado, o clube paraense perderá sua vaga de classificado, mudando vários dos enfrentamentos da segunda fase.

Márcio Donizete
Jornalista desde 2012, com passagens pelos jornais ABCD Maior e Diário do Grande ABC, além do canal NET Cidade de TV. Foi repórter colaborador, líder de colaboradores e editor no Torcedores.com. Apresenta o Lente Esportiva ABC em lives no Facebook e Youtube.

Crédito: Crédito da foto: Adilson Germann/ECNH

O São Bernardo, um dos garantidos na etapa seguinte, não terá seu caminho afetado. O Tigre enfrentará o Metropolitano-SC. O primeiro duelo está marcado para Blumenau, no Estádio do Sesi, e o segundo, no Primeiro de Maio, no ABC paulista. Com a paralisação da competição, os jogos de ida e volta foram adiados em uma semana – 8 e 9 de julho e 15 e 16 de julho, respectivamente.

VEJA MAIS
APESAR DE QUEDA NA SÉRIE D, PORTUGUESA PODE PERMANECER NO CENÁRIO NACIONAL EM 2018; ENTENDA

O adiamento foi benéfico para o time são-bernardense, que pode recuperar jogadores lesionados nesse período e ter uma equipe reforçada para as partidas eliminatórias da Quarta Divisão.

“A gente vai ter mais uma semana para se preparar, treinar a equipe, pensar melhor em como passar pelo Metropolitano. Agora, o principal para a gente, e talvez até para eles, é a possibilidade de recuperação de atletas lesionados, porque temos Dogão, Douglas, Ricardinho e Francismar no departamento médico”, declarou o diretor de futebol Edgard Montemor Filho ao Diário do Grande ABC. 

O São Raimundo vai ser julgado pelo STJD (Superior Tribunal de Justiça Desportiva) na sexta-feira (30) e caso seja eliminado, quem entrará em seu lugar no mata-mata é a Desportiva Ferroviária-ES.

Curta a página “Eu amo futebol do interior paulista” no Facebook: