DESTAQUE

Após erro da arbitragem, Jô pede árbitro de vídeo: “Para diminuir os erros”

Publicado às

Colaborador do Torcedores

Crédito: Crédito da foto: Reprodução/Facebook oficial do Corinthians

O Corinthians fez um grande jogo com o Flamengo na tarde deste domingo e empatou em 1 a 1. O Duelo foi muito emocionante e contou com uma polêmica no primeiro tempo, quando o juiz anulou um gol legítimo do Timão. Na zona mista, o atacante Jô comentou sobre o lance.

“Foi uma jogada tranquila, básica para a arbitragem. Eu estava em posição normal, mas é muito difícil ficar falando da arbitragem, eu particularmente não gosto, são seres humanos que erram também. Claro que pode ter interferido no resultado, mas a gente tem que tentar ajudar junto com a CBF, tentarmos oficializar o árbitro de vídeo. Enfim, ter uma maneira para diminuir os erros”, disse o jogador.

LEIA MAIS:
GIOVANNI AUGUSTO: “ENTENDO O TORCEDOR, MAS SÃO POUCOS. ESSA NÃO É A TORCIDA DO CORINTHIANS”
FAGNER ANALISA EMPATE COM O FLAMENGO: “SOFREMOS BASTANTE”

“Foi um erro básico, eu estava muito atrás, mas não posso ficar sacrificando os árbitros, eu não gosto disso. Empatamos o jogo, contra um time difícil, o Flamengo é uma equipe grande, que vê, que jogou. No segundo tempo a gente recuou muito, mas claro, temos que buscar uma forma de diminuir esses erros”, afirmou o jogador.

Jô também afirmou que ao ir argumentar com o juiz, ele disse que o impedimento marcado, foi o do volante corintiano, Maycon.

“Ele me disse que foi o impedimento do Maycon, mas eu também não vi. No entanto são argumentos que eles tiveram para justificar o erro e isso acontece. O campeonato segue, continuamos com a vantagem e quarta-feira tem mais um jogo difícil contra o Atlético-MG”, concluiu.