Futebol

Atlético-PR quebra jejum e consegue resultado importantíssimo contra o Vasco

Publicado às

Colaborador do Torcedores

Crédito: Crédito: Agência Estado

O Atlético-PR foi ao Rio de Janeiro encarar o Vasco em busca da vitória para sair da zona de rebaixamento. O time de Curitiba não vencia desde a 10ª rodada no Campeonato Brasileiro. O jogo terminou 1 a 0 para o Atlético, com gol de Ribamar. A partida também foi marcada pela estreia do volante Esteban Pavez com a camisa do Atlético.

VEJA MAIS
Goleiros se destacam e pedem passagem na Seleção
Libertadores já tem concorrentes para possível final única em 2018

O jogo

O primeiro tempo da partida não foi dos melhores. O Atlético-PR tentou impor seu ritmo de jogo enquanto o Vasco dava indícios que iria pressionar o adversário. A torcida empurrava os donos da casa que conseguiu ser mais efetivo na primeira etapa. Aos 16 minutos o Atlético teve um contra-ataque que parecia uma boa oportunidade, mas Nikão acabou errando o passe e desperdiçando a chance.

A partida estava bem truncada e aos 26 minutos três jogadores do Vasco já tinham recebido cartão amarelo, os volantes Jean e Bruno Paulista e o meia Guilherme Costa. Mas o Atlético também começou a chegar mais duro e em duas jogadas de contra-ataque do Vasco Pablo e Mathues Rossetto levaram cartão amarelo. No primeiro tempo nenhum time teve oportunidade clara de gol. Por outro lado a marcação do Furacão funcionou muito bem.

Segundo tempo

Fabiano Soares não fez nenhuma mudança no intervalo. O Atlético começou bem principalmente explorando o lado direito do campo, e aos seis minutos de jogo em jogada pelo lado direito Lucho González arriscou de fora, mas o chute parou em Martín Silva.

Aos 16 minutos de jogo também por aquele lado Matheus Rosseto cruzou, o lateral vascaíno furou e a bola acabou sobrando para Ribamar abrir o marcador. Após o gol o time da casa saiu para o ataque em busca do empate. Já o Atlético se posicionou atrás do meio querendo o contra-ataque para matar o jogo.

Com 23 minutos o Furacão mudou. Entraram Lucas Fernandes e Felipe Gedoz, saíram Lucho e Ribamar. O Vasco continuo pressionando e aos 30 minutos Fabiano Soares decidiu trocar novamente, tirou Nikão e colocou Éderson. Sangue novo para tentar explorar o cansaço do adversário. O Atlético continuou se defendendo bem e tentando envolver o adversário com toque de bola. Gedoz comandou o meio do Furacão.

No último minuto do jogo o Vasco quase conseguiu o gol de empate, mas o Furacão segurou e defendeu muito bem e saiu vencedor do confronto. Esse resultado tirou o Atlético da zona de rebaixamento e colocou seu rival Coritiba nela.

Próxima Rodada

O Atlético agora precisa vencer o próximo jogo para manter distância das ultimas colocações. Na próxima rodada o time tem um confronto direto contra a degola, o Furacão encara o Avaí dentro de casa na quinta-feira, dia 3, às 19h30.

Ficha técnica.

Vasco 0 x 1 Atlético-PR

Local: Raulino de Oliveira, Volta Redonda
Data: 31/07/2017
Horário: 20 horas
Árbitro: Claudio Francisco Lima e Silva.
Assistentes: Cleriston Clay Barreto Rios e Fabio Pereira.

Vasco
Martín Silva; Gilberto, Rafael Marques, Jomar, Ramon (Henrique); Jean, Bruno Paulista, Mateus Vital, Guilherme Costa (Thalles); Paulinho (Manga Escobar) e Paulo Vitor
Técnico: Milton Mendes

Atlético-PR
Weverton; Cascardo, Paulo André, Wanderson, Sidcley; Esteban Pavez, Matheus Rossetto, Lucho González (Lucas Fernandes), Nikão (Éderson); Pablo, Ribamar (Felipe Gedoz)
Técnico: Fabiano Soares

Gol: Ribamar (16 minutos)