Futebol Feminino

Com entrada franca, Corinthians convoca torcida para ‘decisão’ contra o Rio Preto

Publicado às

Estudante do 9º semestre de jornalismo e amante dos esportes, principalmente o bom e velho futebol. Setorista de Atlético-MG e Futebol Feminino.

Grazi jogadora Corinthians x Rio Preto

Crédito: Capitã Grazi pediu o apoio da torcida. Foto: Divulgação

O Corinthians terá uma missão complicada no próximo domingo pelo Brasileiro Feminino Série A1. Após derrota para o Rio Preto por 2×1 no jogo da ida, o Timão precisa reverter o resultado para chegar à final. Para o confronto, as apostas são na força da torcida e na correção do erros cometidos no primeiro jogo.

Jogadora mais experiente de elenco alvinegro, a volante e capitã Grazi, de 36 anos, falou em entrevista ao site oficial do clube e relatou quase deve ser a postura do time na Arena Barueri.

LEIA MAIS:

ARTILHEIRA DO SANTOS PEDE O APOIO DA TORCIDA PARA JOGO DECISIVO NO BRASILEIRO

TIRANDENTES E PINHEIRENSE LARGAM EM VANTAGEM NA SEMIFINAL DO BRASILEIRO FEMININO A2

IRANDUBA RELACIONA 18 JOGADORAS PARA ENFRENTAR O SANTOS; CONFIRA

“Precisamos pegar esses dias que temos até o jogo e trabalhar bastante para tentar amenizar aquilo que erramos e, dessa forma, tentar impor nosso jogo em casa”, disse a camisa 7.

O segundo jogo entre Corinthians e Iranduba está marcado para às 18h (horário de Brasília) de domingo, dia 09. Com entrada gratuita na Arena Barueri, Grazi convocou os torcedores corintianos e garantiu o máximo empenho da equipe dentro das quatro linhas.

“É muito importante o comparecimento [da torcida]. Sempre que estamos em casa e os torcedores que começam a gritar, dá uma força muito grande para nós. Espero sinceramente que apareçam muitos torcedores para nos apoiarem no domingo. Mas, independentemente disso, vamos fazer nosso trabalho para trazer o resultado positivo e a classificação”, falou.

A partida, que mudou de horário após um pedido da Rede Globo de Televisão, terá transmissão ao vivo do canal SporTV.