Futebol

Curiosidades e os desafios do Guarani para o confronto contra o Luverdense

Publicado às

Colaborador do Torcedores

Crédito: Reprodução: Facebook Guarani Futebol Clube - GFC

O Guarani enfrenta o Luverdense, nesta terça (01), ás 21h30, em Lucas do Rio Verde, interior do Mato Grosso. Precisando da vitória a equipe campineira terá dificuldades pela frente. Confira os motivos:

Confronto inédito
Esta será a primeira vez na história que Guarani e Luverdense se enfrentarão. Fundado no ano de 2004, o LEC ascendeu á série B do Campeonato Brasileiro em 2014, ano em que o Bugre estava na série C – permanecendo até 2016.

A última vez que o Guarani jogou no estado do Mato Grosso foi em 2011, pela Copa do Brasil. O adversário era o União Rondonópolis. O jogo em Rondonópolis teve um placar pra lá de inusitado, 4 a 4, depois do Bugrão estar vencendo por 4 a 1. O Guarani se classificou na partida de volta empatando por 0 a 0.

Ranking da CBF
Acredite se quiser. O Luverdense, na sua adolescência – tem 13 anos de vida, é 35º colocado, enquanto o campeão brasileiro das séries A e B é o 51º.

Viagem Longa
O Burge terá uma viagem longa até o local do jogo. Após um vôo até Cuiabá, capital mato-grossense, a delegação seguirá, ainda, por mais de 300 quilômetros até a cidade de Lucas do Rio Verde. A partida será no estádio Passos das Emas, com capacidade para 10.000 lugares (segundo o Wikipédia), a mínima exigida pela CBF para jogos da série B do Brasileiro.

Cobrança por resultado
Sem vencer há quatro rodadas, o Bugre vê ameaçada a permanência no G4, em caso de derrota. Com 28 pontos, na terceira posição, a equipe pode ser ultrapassada por: Internacional, Juventude, Londrina, Criciúma ou Ceará (se enfrentam na rodada) e CRB. Já o adversário vem de derrota para o Boa Esporte, em Varginha e, é o primeiro time na zona do rebaixamento, com 17 pontos.

Leia mais:
LUVERDENSE X GUARANI: SAIBA COMO ASSISTIR AO JOGO DA SÉRIE B AO VIVO NA TV