Ex-dirigente faz dura crítica ao Inter: “Se botar o sub-23, vai jogar mais que o time atual”

Conhecido por suas opiniões polêmicas, o ex-dirigente colorado Roberto Siegmann analisou o atual momento vivido pelo Inter em entrevista à Rádio Gre-Nal nesta segunda-feira. Ele se disse muito “assustado” com o que viu no último sábado, quando os gaúchos perderam em casa para o Boa Esporte mesmo após uma semana inteira de treinamento.

Eduardo Caspary
Jornalista formado pela PUCRS em agosto de 2014. Dupla Gre-Nal.

Crédito: Foto: Facebook - Roberto Siegmann

“Não há condições do Inter em casa perder para o Boa Esporte. Isso é fora de qualquer contexto. O Guto teve uma semana para treinar e o resultado foi um jogo muito feio. Isso assusta”, comentou.

LEIA MAIS:

Zagueiro do Boa Esporte vê erro de avaliação do Inter: “Acharam que seria fácil”

Torcedora do Inter esbraveja após derrota e Silvio Luiz brinca: “Que isso, madame?”

Siegmann, que também é conselheiro do clube, “sugeriu” que o time sub-23 – que atualmente disputa a terceira divisão do Rio Grande do Sul – entre no lugar do atual time titular. “Se colocar o sub-23 para jogar, eles vão jogar melhor que o time atual”, declarou.

O ex-dirigente colorado, que foi homem forte do futebol no primeiro semestre de 2011, sob gestão do ex-presidente Giovanni Luigi, pede mudanças no departamento de futebol do Inter. Ele defende a saída de Roberto Melo, que atualmente ocupa a vice-presidência de futebol.

“É muito amadorismo. Está na hora de trocar o vice de futebol do Inter. Ele não consegue administrar o vestiário. Está aquém da necessidade do clube”, disse.

Torcida, ex-dirigentes, membros da imprensa… a cada rodada da Série B, as críticas parecem não ter fim ao Internacional. Depois da derrota de 1×0 para o Boa Esporte sábado, o ex-jogador e apresentador do SporTV Roger Flores chegou a dizer que sente “dó” ao ver o Inter jogar. Alex Bagé, jornalista da própria Rádio Gre-Nal, sentenciou que “esse é o pior Inter de todos os tempos” e Renata Fan, ilustre colorada, revelou que tem um problema digestivo por causa do Inter.

Para tentar contornar a flagrante crise instalada no Beira-Rio, o Inter terá mais uma semana de treinos em Viamão antes de pegar o Criciúma, no próximo sábado, também em Porto Alegre. Nomes como Edenílson, Victor Cuesta, Uendel, Felipe Gutiérrez e Nico López devem voltar ao time titular. O clube é apenas o 5° colocado na Série B com 17 pontos.

*Este artigo tem parceria com a Fan Page “Como é Bom Ser Colorado” – curta abaixo!