Ex-jogador e agora apresentador, Roger diz que sente “dó” ao ver Inter jogar na B

O fraco desempenho do Internacional em campo pela Série B não tem sido perdoado pela mídia do centro do país, que, atenta, pontua críticas e mais críticas quanto ao momento do time gaúcho – o único considerado “grande” na tabela da segunda divisão desse ano. No sábado, o ex-jogador e hoje apresentador e comentarista do SporTV, Roger Flores, lamentou a forma como o Inter vem se apresentando na competição.

Eduardo Caspary
Jornalista formado pela PUCRS em agosto de 2014. Dupla Gre-Nal.

Crédito: Foto: Reprodução/SporTV

Durante o programa Troca de Passes, Roger, que jogou no Grêmio em 2008, disse que as atuações do Inter não estão de acordo com sua “grandeza”. Ele entende que a bola está “queimando” no pé dos jogadores colorados, o que o faz “sentir dó” a cada apresentação do time.

LEIA MAIS:

Zagueiro do Boa Esporte vê erro de avaliação do Inter: “Acharam que seria fácil”

Jornalista gaúcho crava: “Esse é o pior Inter de todos os tempos”

Torcedora do Inter esbraveja após derrota e Silvio Luiz brinca: “Que isso, madame?”

“São apresentações do tamanho do Internacional? Mesmo de um Internacional na Série B? Não são. Boa foi um time que lutou com o Inter de igual para igual. Parece que o Inter tem a bola, mas não querendo a bola. Parece que a bola queima nos pés dos caras. É um time que eu fico com dó vendo hoje o que o Inter apresenta dentro de campo”, colocou.

Na avaliação do ex-gremista, falta ao Inter jogadores que queiram estar com a bola nos pés e que apresentem imposição com relação aos adversários. O colorado é apenas o 5° colocado com 17 pontos e não subiria se o campeonato terminasse hoje.

“Com um camisa tão pesada, tão importante no cenário brasileiro, os caras têm medo, parecem pressionados de tal maneira que parece que ninguém quer a bola”, disse.

Para tentar contornar a flagrante crise instalada no Beira-Rio, o Inter terá mais uma semana de treinos em Viamão antes de pegar o Criciúma, no próximo sábado, também em Porto Alegre. Nomes como Edenílson, Victor Cuesta, Uendel, Felipe Gutiérrez e Nico López devem voltar ao time titular.

*Este artigo tem parceria com a Fan Page “Como é Bom Ser Colorado” – curta abaixo!