Torcedores | Notícias sobre Futebol, Games e outros esportes

F1: Jornal alemão revela possibilidade de Kubica substituir Palmer na Renault no GP da Bélgica

Desde os testes de Robert Kubica com o Lotus-Renault de 2012, primeiro em Valência e depois em Paul Ricard, que os boatos sobre o seu retorno tomaram conta da F1. E segundo o jornal alemão Bild, a cúpula da Renault já estuda a possibilidade do piloto polonês participar dos treinos coletivos da próxima semana na Hungria, e até mesmo, substituir Jolyon Palmer na escuderia francesa a partir do GP da Bélgica.

Rodrigo Nascimento dos Santos
Colaborador do Torcedores

Foto: Crédito: Facebook

O paddock da F1 segue repleto de boatos, e mais um deles ganhou força nesta semana: segundo o jornal alemão Bild, a alta cúpula da Renault estuda a possibilidade de trocar o britânico Jolyon Palmer por Robert Kubica, no GP da Bélgica, etapa que marca o retorno da F1 após as férias de verão da Europa.

LEIA MAIS:
VOTE E AJUDE A ESCOLHER A RENAULT MAIS BONITA DA HISTÓRIA DA F1
F1 2017: CONFIRA A CLASSIFICAÇÃO DO MUNDIAL DE PILOTOS APÓS O GP DA GRÃ BRETANHA

Apesar de parecer apenas um boato em um primeiro momento, a Renault já cobrou publicamente o britânico por resultados melhores, afinal de contas, Nico Hulkenberg tem conseguido bons resultados, enquanto Palmer tem tido um desempenho frustrante e bem distante do esperado. Em contrapartida, Kubica surpreendeu a todos com seu desempenho nos dois testes que realizou com o Lotus-Renault de 2012.

Apesar de ainda não ter guiado um carro desta temporada, a própria Renault pode facilitar as coisas para o polonês: existe a possibilidade de Kubica participar dos treinos coletivos na próxima semana, na Hungria, já que até o momento, a escuderia francesa confirmou apenas a participação do canadense Nicholas Lafiti, e a segunda vaga ainda está a ser decidida (em circunstâncias normais, seria justamente de Jolyon Palmer).

Em declaração para o jornal alemão, Cyril Abitenboul deixou claro que Palmer está sobre pressão, e que Kubica pode ser uma opção: “Palmer teve alguns problemas de confiabilidade, mas é verdade que, se tivéssemos dois pilotos nos pontos, não estaríamos em oitavo no Mundial. Não testamos com Kubica por motivos publicitários. Ele ainda é rápido e tem a mesma energia.”