Futebol

Giovanni Augusto: “Entendo o torcedor, mas são poucos. Essa não é a torcida do Corinthians”

Publicado às

Colaborador do Torcedores

Crédito: Crédito da foto: Divulgação/ Daniel Augusto Jr. Agência Corinthians

O Corinthians empatou com o Flamengo na tarde deste domingo (30). O duelo foi extremamente movimento e contou com a saída de mais um jogador do Timão por lesão, o meia Marquinhos Gabriel. Com ele de fora, quem entrou foi o meia Giovanni Augusto, que foi muito cobrado por parte da torcida corintiana.

Na zona mista, após a partida, o jogador comentou sobre parte dos torcedores corintianos terem “pegado no pé” dele e afirmou que são poucos que fizeram isso.

LEIA MAIS:
FAGNER ANALISA EMPATE COM O FLAMENGO: “SOFREMOS BASTANTE”
CARILLE RECLAMA DE GOL MAL ANULADO DE JÔ: ‘O ERRO DE HOJE NÃO DÁ. É UMA VERGONHA”

“Entendo o torcedor reclamar, mas são 3, 4 que querem tumultuar. Essa não é a torcida corintiana. Eu cresci assistindo aos jogos do Corinthians e nessa fase que a gente tá, ali são alguns que querem tumultuar o ambiente”, disse o meia.

“Estou muito tranquilo, sei que não é a maioria da torcida e vou continuar trabalhando. Recebo o apoio do grupo, do treinador e da maioria dos torcedores”, disse.

Sobre a partida, o jogador falou que o time ter recuado no segundo tempo fez parte de uma situação de jogo e isso vem sendo normal quando o time está na frente do placar.

“Foi um situação do jogo, na maioria dos jogos a gente busca baixar um pouco a marcação para sair no contra-ataque, mas eles tiveram a felicidade de conseguir marcar um gol. Porém, o importante é que somamos um ponto”, concluiu o atleta.