Lúcio revela que recusou proposta do Barcelona quando jogava pelo Internacional

Um dos maiores ídolos da Seleção Brasileira, o zagueiro Lúcio surgiu como uma promessa no Internacional, antes de se despontar no futebol europeu. Revelado pelo futebol brasiliense, o jogador foi pentacampeão mundial com o Brasil e conquistou vários títulos no “Velho Continente”.

Victor Paixão
Colaborador do Torcedores

Crédito: Foto - Reprodução/ Esporte Interativo

A trajetória de Lúcio na Europa começou pelo futebol alemão, mais precisamente no Bayer Leverkusen, seu primeiro clube fora do Brasil. Lá, jogou por 4 temporadas até ser contratado pelo Bayern Munchen, clube onde jogou por 5 temporadas até encerrar sua passagem pelo futebol europeu na Itália, atuando por três anos na Internazionale, e algumas partidas na Juventus.

LEIA MAIS

APÓS PARTIDA EMOCIONANTE, CRUZEIRO X PALMEIRAS VOLTAM A SE ENCONTRAR PELO BRASILEIRÃO

EX-RIVAIS NO BRASIL, GOULART E TARDELLI PROTAGONIZAM DUELO POR ARTILHARIA NO CAMPEONATO CHINÊS

LÚCIO EXPLICA DETALHES DE POLÊMICA COM SHEIK EM PARTIDA PELO PALMEIRAS

Entretanto, mesmo com toda história conquistada, principalmente no futebol alemão – onde conquistou três campeonatos alemão, três copas alemã e duas taças da liga (todos pelo Bayern Munchen); Lúcio poderia ter começado seus primeiros passos na Europa em outro país. Quando ainda era jogador do Internacional, o zagueiro recebeu uma proposta do Barcelona, porém já havia acertado verbalmente com o Bayer.

O jogador explicou como recusou a proposta da equipe catalã em entrevista ao programa No Ar – Esporte Interativo (com André Henning). “Depois que assinei com o Bayern Leverkusen outros clubes se interessaram. Mas aí eu já tinha assinado contrato, dado minha palavra e já me preparado para ir à Alemanha. Chegou até clubes da Espanha, como o Barcelona, através do Rivaldo, quando estava lá. A gente teve uma conversa e eu expliquei o que tinha acontecido, então ia ficar muito feio pra mim ter que voltar atrás”. disse.

Ao recusar o Barcelona e optar pelo Leverkusen, o zagueiro teve grande importância dentro da equipe alemã. Lá, Lúcio jogou 118 partidas, e mesmo sem conquistar títulos pelo clube, acabou sendo convocado para a Seleção Brasileira, onde venceu uma Copa do Mundo.