Futebol

Mano Menezes tem segundo pior aproveitamento da carreira em 2017

Publicado às

Colaborador do Torcedores

Crédito: Cruzeiro / Divulgação

O Campeonato Brasileiro de 2017 não tem sido de grandes emoções para o Cruzeiro. Longe da liderança e ainda sem embalar uma boa sequência, a campanha da Raposa tem também afetado o técnico Mano Menezes, que até o momento, passa por uma das piores fases da carreira em questão de aproveitamento.

De acordo com levantamento feito pelo site Superesportes, o treinador cruzeirense tem 42% de aproveitamento na atual edição do Brasileirão. É a segunda pior marca da carreira do treinador comandando clubes da Série A.

LEIA MAIS

PALMEIRAS NÃO TERÁ ZAGUEIRO CONTRA O CRUZEIRO E PODE PERDER MAIS TRÊS PARA O DÉRBI

PRESIDENTE DO BOCA JUNIORS CONFIRMA INTERESSE EM RAMON ÁBILA

A pior destas marcas aconteceu em 2013, no Flamengo. Foram 21 pontos somados em 17 partidas que comandou o Rubro-Negro naquele ano, chegando a 41% dos pontos conquistados. Neste ano, o time de Mano tem 14 pontos, mas com o torneio em andamento, a média pode aumentar.

Em relação às suas duas passagens pelo Cruzeiro, Mano Menezes teve aproveitamentos acima dos 50% Em 2015, assumiu o time no começo do segundo turno e teve 62,5% de aproveitamento no período em que treino o time. O treinador voltou a pegar o time celeste em meio de temporada em 2016, retornando da China para uma média de 54,5%.

A maior das médias conquistadas por Mano aconteceu em 2010, quando treinava o Corinthians. Até assumir a seleção brasileira após a Copa do Mundo daquele ano, somou 72,7% de aproveitamento.

(Crédito da foto: Cruzeiro / Divulgação)