Futebol

Paulistas fora das semifinais da Copa do Brasil, confira

Publicado às

Colaborador do Torcedores

Crédito: Reprodução: Facebook Oficial Santos Futebol Clube

Santos e Palmeiras entraram em campo nesta quarta-feira (26) lutando pela sobrevivência do futebol paulista na Copa do Brasil 2017.

Leia mais:
RIO DE JANEIRO PODE GANHAR SEXTO TÍTULO NA COPA DO BRASIL
SEGUNDO ESPECIALISTAS, SANTOS X FLAMENGO NÃO DEVE SER ANULADO
PALMEIRAS EMPATA, DÁ ADEUS A COPA DO BRASIL E VAI ENCARAR BARCELONA DE GUAYAQUIL SOB PRESSÃO

O Santos, que havia perdido a primeira partida contra o Flamengo no Rio de Janeiro em 28 de Junho por 2 x 0, precisava reverter o resultado e sabia que a missão, ganhar por três gols de diferença, não seria das mais fáceis. Mesmo assim, a equipe alvinegra entrou em campo confiante, porém, aos 9 min do 1º tempo sofreu o primeiro golpe, a equipe do Flamengo fazia 1 a 0 em plena Vila Belmiro. Então, a missão que já não era das mais fáceis, tornou-se ainda mais complicada. Seriam necessários 4 gols para permanecer vivo na Copa do Brasil. Ainda que de forma não tão organizada, aos 33 minutos ainda do primeiro tempo, Bruno Henrique empatou a partida, dando um alento aos torcedores santistas. Na volta do segundo, logo no primeiro minuto, Paolo Guerrero, jogador peruano que defende o Flamengo, jogou um novo balde de água fria no time Santista e marcou o segundo gol da equipe rubro negra.

Com a desvantagem de 2 a 1, o Santos foi pro ataque para uma missão quase que impossível. Aos 8 minutos Copete empatou para o Santos, no minuto seguinte, Victor Ferraz colocou a equipe santista à frente, permanecendo assim até os 48 minutos do tempo final, já nos acréscimos, Copete novamente, fez o quarto gol do Santos. Mas já não havia tempo para mais nada e o árbitro da partida, Leandro Pedro Vuadem, na saída do gol sofrido pelo Flamengo, encerrou a partida.

Mesmo com a vitória, o Santos foi eliminado da Copa do Brasil. Ficava então a esperança de que o Palmeiras, que enfrentava o Cruzeiro em BH, representasse o futebol paulista na fase semifinal da Copa, porém…

O Palmeiras foi à Belo Horizonte (MG) precisando vencer o time do Cruzeiro ou empatar por 4 gols ou mais, já que qualquer outro resultado de empate, exceto por 3 a 3, que levaria a partida a ser decidida nos pênaltis.

Em um jogo truncado e não tão agradável de ser assistido, Palmeiras e Cruzeiro faziam um jogo feio, com poucas chances de gol até que, aos 26 minutos do 2º tempo, Keno, em um chute despretensioso, contando ainda com um desvio no jogador do Cruzeiro, colocou o Palmeiras à frente do placar, resultado que classificava o time paulista, mas, aos 40 minutos, a equipe comandada pelo pressionado Mano Menezes, empatou o jogo com um gol de cabeça do lateral Diogo Barbosa. Resultado que permaneceu até o apito final. Fim de partida: Palmeiras eliminado.

Ao final daquela noite de quarta-feira, o futebol paulista terminava sem nenhum representante na fase semifinal da Copa do Brasil 2017.