Sul-Americana: Chapecoense recebe zebraça argentina para tentar continuar sonhando com o bi

 

Odds Shark
Parceiro do Torcedores.com.

Crédito: Chape perfilada - Reprodução / Site oficial Chapecoense

Renascida depois da tragédia do ano passado, a brava Chapecoense já está se acostumando a ser uma equipe internacional. No mês que vem, a equipe catarinense viaja para realizar amistosos com o Barcelona e a Roma e voa também para o outro lado do mundo para disputar a Copa Suruga, no Japão. Nesta terça-feira (25), porém, o desafiante estrangeiro da equipe alviverde é ainda mais novato em partidas internacionais do que a própria Chape. Trata-se do modestíssimo Defensa y Justicia da Argentina, que decide com os brasileiros uma sonhada vaga nas oitavas-de-final da Copa Sul-Americana 2017. O jogo é na Arena Condá, às 19h15 (horário de Brasília).

 

Na partida de ida, em Florencio Varela, na província de Buenos Aires, o Defensa y Justicia aproveitou a pressão da torcida no minúsculo estádio Norberto Tito Tomaghello, com capacidade para pouco mais de 10.000 pessoas. Jogando na base do abafa, conseguiu se beneficiar da expulsão de Girotto no segundo tempo e arrancou a vitória pelo placar mínimo com um gol marcado aos 49 minutos da etapa final, com Stefanelli. O clube nanico que já havia eliminado um tricampeão da América em pleno Morumbi continuava a fazer história na Sul-Americana. Ao contrário do São Paulo, porém, a Chape parece estar mais consciente do perigo que a equipe argentina representa. Bem arrumadinha em campo, com jogadores aplicados e combativos, ela deve ser levada a sério caso a Chape queira evitar surpresas desagradáveis.

 

O time da casa busca uma vitória por dois gols de diferença para seguir adiante e continuar sonhando com o bicampeonato da competição. Em caso de 1 a 0 para os catarinenses, a disputa vai para os tiros livres da marca do pênalti. Qualquer outra derrota por um gol de diferença mantém o Defensa na Sul-Americana, pelo critério do gol qualificado. O empate também é dos argentinos. Apesar de tantos cenários favoráveis a uma possível classificação, a jovem agremiação visitante segue como zebra nas projeções das casas de apostas esportivas. De acordo com o site Oddsshark.com, uma vitória da Chape nesta terça paga R$ 1,87 a cada R$ 1,00. Por outro lado, um triunfo argentino na Arena Condá retorna uma bolada: R$ 4,20/R$ 1,00. Ainda segundo o Oddsshark.com, o empate devolve R$ 3,19 a cada R$ 1,00 investido.

 

Comandada por Vágner Mancini na partida de ida, a Chape decide seu futuro na competição sob o comando de seu novo técnico, Vinicius Eutrópio, que deu um respiro à equipe no Brasileirão desde que assumiu o cargo (venceu o São Paulo e empatou com Atlético-PR e Fluminense, apesar de ter perdido para o Sport). Agora é a vez de se reabilitar na Sul-Americana, e Eutrópio deve escalar a seguinte equipe (lembrando que Girotto está suspenso pela expulsão na Argentina): Jandrei; Apodi, Douglas Grolli, Fabrício Bruno e Reinaldo; Moisés Ribeiro, Lucas Marques e Lucas Mineiro; Seijas, Luiz Antônio e Arthur.

 

Na véspera da partida decisiva, o técnico da Chape fechou o treino, impedindo que a imprensa acompanhasse as atividades de sua equipe. Ainda assim, ele já adianta que não haverá grandes surpresas. “Vamos seguir a mesma linha, com transição, velocidade e posse de bola”, disse Eutrópio, que também alertou para a dificuldade de superar os argentinos, “com sua característica aguerrida, de marcar forte”.Quem pensa em apostar no Defensa deve saber que está dando um tiro no escuro – sem duvidar da capacidade da equipe argentina, claro, mas lembrando que o time está irreconhecível desde o jogo de ida.A vitória em casa sobre a Chape, por sinal, foi a última partida do clube, que está só treinando desde então.

 

Aquele jogo foi a despedida do técnico SebastiánBeccacece, que é pupilo de Jorge Sampaoli. Com a contratação de “El Pelado Sampa” pela AFA, foi convidado a assumir a função de auxiliar do carequinha na seleção argentina. Seu sucessor no Defensa é o ex-lateral Nelson Vivas, que deixou o Estudiantes após uma série de atritos com o chefão do clube, o ex-craque Juan Sebastián Verón. Em maio, Vivas explodiu em fúria e rasgou a própria camisa ao reclamar da arbitragem e ser expulso num jogo contra o Boca. Ou seja: a Chape pode esperar um rival pilhado ao máximo, pelo menos no que depender do novo técnico. A equipe também está bem mexida: Jonás Gutiérrez, capitão e destaque da equipe, foi para o Independiente. No ataque, Rios foi negociado com o Vasco e Stafanelli, autor do gol na ida, se mandou para a Suécia, onde vai defender o AIK.Quem avançar nesta terça pega o vencedor de Flamengo x Palestino nas oitavas.

 

Confira os outros jogos de brasileiros na Sul-Americana nesta semana:

 

26/7 – 19h15 – Sol de América (R$ 2,29) x Ponte Preta (R$ 3,06); empate (R$ 3,06) – Palpite: Ponte Preta

26/7 – 19h15 – Universidad de Quito (R$ 1,95) x Fluminense (R$ 3,65); empate (R$ 3,36) – Palpite: empate

26/7 – 21h45 – Corinthians (R$ 1,26) x Patriotas (R$ 10,91); empate (R$ 5,12) – Palpite: Corinthians

27/7 – 19h15 – Arsenal de Sarandí (R$ 2,15) x Sport (R$ 3,18); empate (R$ 3,20) – Palpite: empate

 

Aproveite e confira outros odds no Torcedores.