Torcedores | Notícias sobre Futebol, Games e outros esportes

Vitor Belfort pede Gastelum para próxima luta no UFC

Após a disputa do UFC Fight Nigth no último sábado, em Long Island, o lutador Vitor Belfort foi para rede social pedir uma luta. A derrota de Kelvin Gastelum deixou Vitor animado para voltar ao octógono. Quando parecia que o lutador brasileiro iria caminhar para uma possível aposentadoria, Belfort surpreendeu e pediu Gastelum como adversário por meio do Instagram. O lutador conta que sua luta marcada para o dia 9 de setembro, não irá acontecer contra Derek Bruson, e com isso pediu o adversário Gastelum.

Alain Petterson
Colaborador do Torcedores

Crédito: Reprodução: Facebook Oficial Vitor "The Phenom" Belfort

Leia mais:
Cormier: “serei o maior de todos após vencer Jones no sábado”
Weidman dispara contra Bisping e pede luta contra campeão
José Aldo disputará torneio de jiu-jitsu no Rio de Janeiro

Rematch
A pouco tempo os dois lutadores se enfrentaram no Brasil, no UFC Fight 106, onde Belfort foi derrotado, mas o exame de doping de Kelvin deu positivo para maconha mudando o resultado da luta para “no contest” ou seja, sem vencedor. A intenção de Vitor é ter uma revanche para que a história possa ser diferente neste próximo confronto, que possivelmente ocorrerá em março de 2018.

“Vamos apagar o no contest do nosso cartel. Não me importa o resultado da sua luta hoje. Eu estou pronto! Vamos fazer essa luta outra vez”, disse Belfort.

Aposentadoria na gaveta
Antes de vencer Nate, no UFC 212, no Brasil, Belfort tinha o planejamento de aposentadoria. A derrota por nocaute técnico para Mousasi fez o brasileiro repensar toda sua carreira. Muitos especialistas analisavam uma troca de franquia de Belfort para o Bellator, pois, sua ideia da “liga de lendas” é mais possível no evento rival do que no UFC. A vitória por decisão unanime mostrou o gás e a disposição que o Fenômeno ainda tem para dar no octógono.

Se ganhar já trouxe pensamentos positivos para Belfort, uma segunda vitória, poderia pensar em título? O brasileiro não tem uma sequencia de vitória faz quatro anos. A última foi contra grandes nomes, como: Michael Bisping, hoje campeão da categoria do peso médio; Dan Henderson e Luke Rockhold, lutador que pode ser o novo desafiante de Bisping. Para Vitor, resta esperar a decisão de Dana White sobre o pedido.