Lutas

Weidman diz que perdeu apelo para mudar o resultado da luta contra Mousasi

Publicado às

Colaborador do Torcedores

Crédito: Crédito da foto: Reprodução/Facebook oficial do Chris Weidman

O lutador do UFC, Chris Weidman não aceitou a derrota para Gerard Mousasi, no UFC 210, realizado em abril. Mesmo não concordando com o resultado, o atleta não obteve exito no apelo à Comissão Atlética de Nova York, utilizado para tentar transformar o nocaute técnico em “No Contest” (luta sem resultado).

“Recebi o email no domingo. Eu não venci o apelo. Não era uma coisa que eu não esperava, nem mesmo li isso. A minha esposa estava lendo. Eu teria ficado surpreso (se eles tivessem revertido a decisão). Eles admitirem que estavam errados teria me deixado um pouco surpreso”, disse Weidman, ao Combate.com.

LEIA MAIS:
EM UMA LUTA DURA, AMANDA NUNES VAI ENCARAR VALENTINA SHEVCHENKO PELO UFC 2013
DANA WHITE NEGA QUE PRETENDE DEIXAR PRESIDÊNCIA DO UFC

Weidman voltará a atuar no próximo dia 22, contra Kelvin Gastelum, em Long Island. O atleta afirmou que espera que não tenha problema quando for atuar nessa edição, que será sancionada pela Comissão de NY.

“Vou lutar no meu estado, diante dos meus fãs, de amigos e da minha família. Eu ficarei à vontade. Se a comissão quiser que as coisas fiquei esquisitas, isso é com eles. Eu não vou deixar que isso me afete”, afirmou.