Esportes Olímpicos

Confira as seleções candidatas a levar o título do Grand Prix de Vôlei

Publicado às

Colaborador do Torcedores

Crédito: Foto: Federação Internacional de Vôlei/FIVB

Nesta quarta-feira (02), a Seleção Feminina de Vôlei estreia na fase final do Grand Prix, na China. Atual campeã do torneio e com onze títulos no currículo, o time brasileiro terá dificuldades para manter o título em solo nacional. As donas da casa e o primeiro adversário desta etapa é o principal adversário na busca pelo campeonato. Na temporada passada, a seleção ficou em primeiro lugar após vencer o favoritismo diante dos Estados Unidos por 3 sets a 2.

Para assegurar o bicampeonato consecutivo, o Brasil conta com o desempenho das jogadoras mais experientes do grupo. Natália, Tandara e Adenízia são a base do time titular formado por Zé Roberto Guimarães. Com essas jogadoras bem preparadas a equipe pode render muito e assegurar o título.

LEIA MAIS:

BRASIL REENCONTRA CARRASCO DO RIO-2016 NA BUSCA PELO 12º TÍTULO DO GRAND PRIX DE VÔLEI
SUPERLIGA FEMININA DE VÔLEI APROVA FINAL EM DOIS JOGOS

Fotos: Federação Internacional de Vôlei/FIVB

Veja quem são os principais concorrentes ao título:

China

Atual campeã olímpica, a seleção asiática terá o apoio da torcida da casa para conquistar o primeiro título do Grand Prix. Para isso, conta com os potentes ataques da ponteira Ting Zhu, melhor jogadora do mundo na atualidade. Apesar das oscilações na fase classificação, ainda sem sua principal jogadora, o time deve ser a base que foi campeã no Rio.

Sérvia

Melhor seleção da fase classificação, o time manteve a base que foi vice-campeã olímpica. Mesmo sem a presença de uma de suas principais jogadoras, a oposta Boskovic, a equipe conseguiu manter-se no topo. Agora com a canhota de volta às quadra a equipe fica mais favorita.

Estados Unidos

Com elenco repleto de promessas, os Estados Unidos tem como principais atletas, a levantadora Loyde e a central Gibmmeryer, ambas com boa experiência internacional. O sistema de jogo é o grande diferencial do time norte-americano. Com jogadas rápidas em bom desempenho defensivo pode ajudar o time a conquistar mais um título.

Itália

Com um bom desempenho na fase de classificação, a Itália também passa por um processo de renovação após as Olimpíadas. O destaque da equipe europeia é a oposta Egonu, principal atacante da primeira fase do Grand Prix. O time ainda conta com experiência de jogadoras como a ponta Lucia Bosset, em seu jovem elenco.

Foto: Federação Internacional de Vôlei/FIVB