Futebol Feminino

Holanda e Dinamarca disputam a grande final da Euro 2017

Publicado às

Colaborador do Torcedores

Crédito: Crédito: Twitter / Fifa.com

Final inédita acontece neste domingo, 07/08, as 12h na cidade de Enschede com transmissão do SporTV

A Euro Feminina 2017, em sua grande final. A competição está sendo disputada na Holanda e as 16 seleções europeias que chegaram a esta fase final foram divididas e 4 grupos. A competição começou no dia 16 de julho e encerra hoje.

No mata-mata das quartas de final foram classificadas as seleções da Holanda, Suécia, Alemanha, Dinamarca, Áustria, Espanha, Inglaterra e França deixando para trás as seleções da Noruega, Bélgica, Itália, Rússia, Islândia, Suíça, Escócia e Portugal.

Nesta fase, das 4 seleções que terminaram o ano de 2016 entre as 10 melhores do mundo, somente a Inglaterra se classificou para as semifinais ao derrotar a França (outra seleção bem ranqueada) pelo placar de 1 a 0.

As grandes surpresas ficaram por conta das seleções da Dinamarca que venceu a poderosa (e campeã olímpica) seleção Alemã por 2 a 1 e a Holanda que venceu bem a igualmente forte seleção Sueca (vice-campeã olímpica). Quem corria mais por fora foi a Áustria, que eliminou a Espanha nos pênaltis por 5-3 após empate sem gols no tempo normal.

A seleção alemã é a maior campeã da Euro com 8 títulos, seguidos por 2 títulos da Suécia e da Noruega.

As semifinais foram disputadas entre Dinamarca e Áustria, que novamente se trancou e levou a decisão para os pênaltis, mas dessa vez a pontaria das austríacas não estavam bem calibradas nos penais. Feiersinger (AUS) chutou a bola para o alto e no último penal, Pinther mandou a bola nas mãos da goleira Petersen (DEN), e as nórdicas venceram pelo placar de 5 a 3.

Na outra semifinal, em um jogo bastante disputado, com entradas firmes, a Holanda passou pela Inglaterra pelo elástico placar de 3 a 0, levando a torcida local ao delírio. Mesmo tomando mais pressão das Inglesas, a Holanda soube ser mais precisa, pois chutou 4 vezes e acertou 3 gols.

Após a partida a atacante da Holanda Shanice van de Sanden, que marcou um dos três gols do jogo, declarou:

Isso é incrível, estar em uma final, um sonho se tornando realidade, mas ainda não ganhamos nada. Temos que nos concentrar para o próximo jogo e ver o que acontece.

Vale lembrar que na fase de grupos as duas seleções finalistas fizeram parte do mesmo grupo e a única derrota da seleção dinamarquesa foi para sua adversária, pelo placar de 1 a 0, mas apesar desta vitória, o retrospecto dos últimos 8 confrontos entre as duas seleções a vantagem é da Dinamarca, com 4 vitórias e 13 gols marcados, contra apenas 6 das holandesas.

Nesta Euro, a Holanda chega a final invicta com 5 vitórias, 9 gols marcados e apenas 1 sofrido. Já as dinamarquesas chegam a final com 3 vitórias, 1 empate, 1 derrota, 4 gols marcados e 2 gols sofridos.

Será uma final inédita onde teremos uma campeã inédita, pois esta será a primeira final das duas seleções. A melhor colocação da Holanda foi em 2009, quando foi eliminada na semifinal. Já a Dinamarca esteve em três semifinais (1984,2001 e 2013).