Futebol

Presidente do Atlético-MG responde sobre possível interesse em Felipe Melo

Publicado às

Foi editor do semanário BolanoBarbante, apaixonado por esportes, entusiasta das corridas de rua e dos jogos de tênis.

Crédito: Cesar Greco/Palmeiras/Divulgação

Depois da notícia de que Felipe Melo não jogaria mais pelo Palmeiras por decisão do técnico Cuca, além de um áudio vazado em que o volante revela interesses de outros clubes em contar com o seu futebol, entre eles o Atlético-MG, o presidente Daniel Nepomuceno comentou toda a situação e negou qualquer tipo de contado com o jogador.

“Não fizemos nenhum contato com ele e nem eles conosco. Estamos focados nos nossos atletas”, disse o mandatário do Galo em contato com o portal Superesportes.

LEIA MAIS:

ALEXANDRE MATTOS: “O FELIPE MELO VAI SEGUIR OUTRO CAMINHO, É UMA DECISÃO TOMADA POR MIM”

COMENTARISTA DA ESPN ANALISA ATLÉTICO-MG: “PRECISA DE UM PRESIDENTE MAIS ATUANTE”

Vale lembrar que em entrevista coletiva no final de julho, Nepomuceno já tinha dito que a prioridade para reforçar o elenco era em relação a um atacante que jogue pelos lados.

“Falta ao Atlético um jogador de velocidade, um ponta. A gente vê que isso falta em nosso elenco”, revelou o presidente atleticano à época, que coincidiu com a demissão do então técnico Roger Machado.

Por outro lado, nesta terça-feira, o diretor de futebol do Palmeiras, Alexandre Mattos, já havia dito à imprensa que esperava propostas de outras equipes, mas que não iria liberar o atleta sem uma compensação financeira para o Verdão.

“O Felipe é um ativo, que vale dinheiro. Se alguém quiser, já vai o recado, que procure o Palmeiras. Não vai ser facinho, vai ser de forma a ser bom para o clube”, disse Mattos em coletiva de imprensa.