Futebol

Raphael Veiga começa ganhar espaço e Cuca projeta evolução: “Vamos lapidando”

Publicado às

Colaborador do Torcedores

Crédito: Foto: Cesar Greco/Ag.Palmeiras/Divulgação

Contratado no final do ano passado, Raphael Veiga chegou ao Palmeiras como uma das revelações do Brasileirão da última temporada após se destacar com a camisa do Coritiba. Contratado por R$ 4,5 milhões, o jogador de 22 anos ainda não teve uma grande sequência de jogos com a camisa do Verdão.

Apesar do pouco aproveitamento até o momento, a situação está começando a mudar. Veiga já disputou oito jogos com a camisa do Palmeiras neste Campeonato Brasileiro e entrou em campo nos últimos três jogos (Sport, Cruzeiro e Avaí).

“Ele precisa melhorar o dinamismo que todo o meia precisa ter. Ele já está melhorando, chegando na área. Tem um chute maravilhoso. Precisa fazer valer essa chegada. Com o tempo, vai evoluindo. Não veio agora para ser a solução. Vamos lapidando”, explicou o técnico Cuca após a vitória diante do Avaí, no último sábado. O camisa 20 substituiu o meia Guerra ainda no primeiro tempo.

Ao todo, Veiga á disputou 19 jogos e marcou dois gols com a camisa do Palmeiras e reconhece que passou a ter mais oportunidades nas últimas partida. “Eu, durante os treinamentos, sei que preciso treinar no nível mais elevado. Tenho de me preparar para jogar um tempo curto quando entrar, é mais difícil. Se não está com ritmo cansa rápido. Eu converso bastante com fisiologista, preparação física, para ter um nível alto e mais perto de quem está jogando”.

“Eu comecei treinar melhor do que vinha treinando, tive um crescimento. Quando o Cuca olha e vê isso, tem confiança de colocar durante o jogo. Entrei contra o Sport, fui bem, o time ganhou, isso ajuda. Entrei contra o Cruzeiro e agora sábado. O mais importante é a vitória”, completou o meia.

Como Cuca já admitiu que deve poupar jogadores contra Botafogo e Atlético-PR, visando a partida da Libertadores, contra o Barcelona-EQU no próximo dia 9, Raphael Veiga pode ser aproveitado como titular.