Futebol

Serginho Barboza é o novo reforço do Juticalpa, de Honduras

Publicado às

Colaborador do Torcedores

Crédito: Divulgação Juticalpa FC

Na última semana o brasileiro Serginho Barboza foi anunciado como reforço do Juticalpa FC de Honduras e irá disputar a Liga Nacional do país. O atleta estava na última temporada atuando na Guatemala, pelo Comunicaciones, e a proximidade entre os dois locais ajudou na contratação.

“Como Honduras está do lado da Guatemala surgiu esse interesse da equipe e me chamaram para fazer um amistoso. Ainda participei de uma semana de treinamentos para adaptação e saiu tudo bem”, explicou.

LEIA MAIS: 
VANESSA PEREIRA SUPEROU O PRECONCEITO, LEVANTOU TÍTULOS E DOMINOU O MUNDO DO FUTSAL
O DIA QUE ACOMPANHEI A DESPEDIDA DE UM CRAQUE DO FUTSAL
“EU SABIA QUE A QUALQUER MOMENTO PODERIA ACABAR TUDO PRA MIM”, RELEMBROU VANESSA SOBRE O MUNDIAL DE 2011
COM SEIS TÍTULOS NA BAGAGEM, HUMBERTO SE DESPEDE DO MOVISTAR INTER

O meia atacante já se apresentou ao Juticalpa e comentou as expectativas dessa nova temporada atuando na América Central.

“Espero fazer um grande trabalho aqui já que a liga hondurenha é a mais forte da América Central. É sempre bom estar entre os melhores para ser reconhecido e também amadurecer cada vez mais como jogador e pessoa”, disse.

Além do clube, Serginho enalteceu o apoio dos torcedores de Juticalpa e como tem sido sua adaptação na cidade.

“É uma cidade pequena e que fica há cerca de três horas de Tegucigalpa (capital). Soube que eles apoiam muito o futebol e sempre lotam o estádio já que o clube é a atração da cidade, o famoso ‘xodó’. Minha adaptação em si está sendo bem tranquila, já estou acostumado com muita coisa que via na Guatemala e na Costa Rica, como alimentação e aqui tem a baleada, uma tortilha com feijão e requeijão, muito boa”, comentou.

A estreia do brasileiro está prevista para esse final de semana quanto tem início a Liga de Honduras.

“O grupo está bastante forte, passaram por uma grande reformulação, com jogadores de seleções e ícones do futebol hondurenho. Na Liga são 10 equipes, jogos de ida e volta e classificam 6 para a próxima fase que é o mata-mata. Depois também terá início a Copa Presidente, que é como se fosse a Copa do Brasil, como jogos eliminatórios desde o início”, finalizou.