Futebol

Bayern x Mainz: assista aos gols da partida válida pela Bundesliga

Publicado às

Colaborador do Torcedores

Crédito: DFB.de/Reprodução

Bayern x Mainz se enfrentam nesse momento, na Allianz Arena, em jogo válido pela quarta rodada da Bundesliga (Campeonato Alemão). Como era de se esperar, o jogo teve vitória bávara: 4×0.

Os bávaros possuem dois desfalques. Todos lesionados. David Alaba e Juan Bernat estão machucados e não atual pelo atual pentacampeão alemão.

O Mainz também tem problemas. Ao todo, são seis baixas. Jannik Huth, Kenan Kodro e Alexander Hack eram desfalques sabidos. Danny Latza, Marin Sverko e Phillipp Klement, que eram dúvidas, também não jogaram.

Confira abaixo os gols do jogo entre Bayern x Mainz:

Aos onze minutos, após boa jogada do ataque bávaro, Thomas Muller finalizou. A redonda desviou em Arjen Robben e entrou:

Pouco depois, o holandês recebeu com liberdade e tocou por cobertura, na saída do goleiro Rene Adler. Segundo gol de Bayern x Mainz:

Aos quatro minutos da segunda etapa, Thomas Muller cruzou da extrema direita rasteiro. Robert Lewandowski finalizou de primeira e venceu Adler:

Aos trinta e dois, Joshua Kimmich cruza na medida para Lewandowski. O centroavante polonês cabeceia para o chão e faz 4×0:

Ficha técnica

Data: 16 de setembro
Horário(Brasília): 10h30
Estádio: Allianz Arena
Árbitro: Sascha Stegemann (ALE)
Ássistentes: Christian Fischer (ALE) e Mike Pickel (ALE)

Bayern
Manuel Neuer; Joshua Kimmich, Jerome Boateng (Niklas Sule), Matts Hummels e Rafinha Alcântara; Arturo Vidal (Sebastian Rudy) e Thiago Alcântara; Arjen Robben (Franck Ribéry), Thomas Muller e Kingsley Coman; Robert Lewandowski
Técnico: Carlo Ancelotti

Mainz
Rene Adler; Stefan Bell, Abdou Diallo (Yoshinori Muto) e Leon Balogun; Giulio Donati, Suat Serdar, Fabian Frei e Daniel Brosinski (Jean-Philippe Gbamin); Levin Oztunali e Robin Quaison; Pablo De Blasis (Danny Latza)
Técnico: Sandro Schwarz

LEIA MAIS
BAYERN DE MUNIQUE X MAINZ 05: CONFIRA O RETROSPECTO DO CONFRONTO
6 TIMES QUE PODEM DESTRONAR A SOBERANIA DO REAL MADRID NA CHAMPIONS