Esportes da mente

Brasileiros ganham mais de R$ 300 mil em torneio de pôquer online

Publicado às

Colaborador do Torcedores

Crédito: Pedro Grochocki foi um dos brasileiros que se deu bem nas mesas online do WCOOP 2017

Os jogadores brasileiros seguem se dando bem no principal torneio de pôquer online do mundo, o WCOOP (World Championship of Poker Online). Nos últimos dias, vários brasileiros chegaram à mesas finais, alguns conquistaram títulos e, juntos, faturaram cerca de US$ 100 mil, mais de R$ 300 mil. Destaque para Guicosta94 que venceu o Evento #34-Low (US$ 55 NLHE) e ficou com um prêmio de US$ 42.922, cerca de R$ 150 mil.

No evento em que Guicosta94, apelido que usa nos torneios onlines, ficou com o título outros brasileiros também chegaram à mesa final e faturaram. O flagazzi ficou em quarto e levou pra casa US$ 14.833. O Hand Of D00m ganhou US$ 7.304 pela sexta colocação. Uma colocação atrás, em sétimo, o PDM Sep faturou US$ 5.126.

PONTO TURÍSTICO DE SÃO PAULO É PALCO DE ETAPA DE EVENTO QUE PAGARÁ R$ 3 MILHÕES

Quem também representou bem o país no WCOOP foi

Pedro Grochocki foi um dos brasileiros que se deu bem nas mesas online do WCOOP 2017

Pedro Grochocki, que utiliza o nickname LgwZ. Ele ficou na terceira colocação do  Evento #40-High (US$ 530 5-Card PLO 6-Max), que teve 609 jogadores, e faturou US$ 27.515. Foi a segunda mesa final de Pedro em menos de dez dias. Semana passada ele já tinha ficado em segundo lugar no Evento #22-High (US$ 530 NLHE Win the Button)

Outros brasileiros também conquistaram bons prêmios no WCOOP. Caio Pessagno foi o 16º de 820 no Evento #43-High (US$ 215+R NLHE 3-Max Turbo Zoom) e conquistou US$ 5.437, pouco mais de R$ 15 mil. Thiago Carvalho (Sr.FireoNe) foi quinto de 2.141 no Evento #38-High (US$ 215 NLHE 6-Max) e se deu bem, ganhou quase R$ 50 mil (US$ 15.090)

 

 

 

.