Com autoridade, Flamengo vence Sport no Luso-Brasileiro e volta ao G4

Foto: Gilvan de Souza/Flamengo

Jogando em casa, o Flamengo fez seu dever e bateu o Sport por 2 a 0, no Luso-Brasileiro. Com gols de Guerrero e Everton Ribeiro, o rubro negro carioca volta a figurar no G-4,na quarta colocação, com 38 pontos. Agora, a equipe tem um ponto a mais que o Palmeiras, quinto colocado, que jogará nesta segunda-feira contra o Coritiba. O Sport, por sua vez, segue na 12ª posição na tabela, a dois pontos da zona de rebaixamento.

Flamengo x Sport: Assista aos melhores momentos do embate de rubro-negros

As duas equipes mudam o seu foco agora para a Copa Sul-Americana. Na quarta, o Sport vai até Campinas encarar a Ponte Preta no Moisés Lucarelli, às 19h15. No mesmo dia e horário, o Flamengo vai receber a Chapecoense no Luso-Brasileiro.

O Flamengo sobrou no primeiro tempo. Fez o gol em falha do goleiro Magrão, mas mesmo com a vantagem, o rubro negro carioca não incomodou a meta do arqueiro pernambucano. Logo com oito minutos, Trauco cruzou da esquerda, Magrão não segurou e Guerrero completou para o gol. Com a vitória parcial, o Mengo dominava, trocava passes na entrada da área leonina, mas não conseguia infiltrar e nem levar perigo.

Os donos da casa ainda tentaram chutando de fora área, mas não acertaram a meta de Magrão. Sem conseguir a invadir a defensiva pernambucana, quem chegou mais perto foi o meia Diego. O camisa 35 pegou o rebote após o escanteio e chutou, Magrão defendeu sem dificuldades no centro do gol.

Sem conseguir se atacar e só se defendendo, o Sport poderia ter saído perdendo por mais gols, se não fosse a ineficiência do ataque carioca. Patrick, apareceu duas vezes no ataque, mas não conseguiu levar perigo ao gol de Alex Muralha. Mesmo dominado, na defesa o Leão se saiu bem, só comprometendo com a falha de Magrão.

Na volta para a segunda etapa, o Flamengo voltou imprimindo o mesmo ritmo e logo com quatro minutos, Éverton Ribeiro lançou de primeira para Diego, que avançou pela direita, chutou forte, mas Magrão praticou uma bela defesa. Aos 10, Arão abriu com Éverton Ribeiro, que de esquerda, pega de primeira e mandou a bola muito perto da trave.

Se a situação não estava boa para o lado pernambucano, Patrcik tratou de piorar ao ser expulso após reclamar de forma acintosa com o árbitro. O Flamengo diminuiu o ritmo e passou a ficar mais na defesa. Luxa Rogério no jogo e o Sport, então, tentou se lançar ao ataque e criou boas chances na etapa final perdidas por André, Rogério e Wesley.

No fim, Berríio cruzou para Everton Ribeiro fechar o placar aos 48 minutos após subir sozinho e marcar de cabeça pro gol.

FICHA DO JOGO:

FLAMENGO: Alex Muralha; Pará, Rhodolfo, Réver e Trauco; Márcio Araújo, William Arão, Everton Ribeiro, Gabriel (Cuéllar) e Diego (Lucas Paquetá); Guerrero
Técnico: Reinaldo Rueda

SPORT: Magrão; Raul Prata, Ronaldo Alves, Durval e Mena; Patrick, Rithely (Anselmo) e Wesley; Lenis (Thallyson), Osvaldo (Rogério) e André
Técnico: Vanderlei Luxemburgo.

Estádio: Estádio Luso-Brasileiro
Árbitro: Vinícius Gonçalves Dias Araújo (SP)
Assistentes: Marcelo Carvalho Van Gasse (Fifa-SP) e Herman Brumel Vani (SP)
Gols: Guerrero e Everton Ribeiro (F)
Cartões amarelos: Rithely, Wesley e Patrick (S)
Cartão vermelho: Patrick (S)
Público: 9.029
Renda: R$ 242.900,00