Fut7

Com gol que revoltou o Independente de Limeira, jogo contra Santos fica no 1×1

Publicado às

Colaborador do Torcedores

Santos x Independente de Limeira ficam no empate. (Foto: Tercio Nurnberg)

Foto: Santos x Independente de Limeira ficam no empate. (Foto: Tercio Nurnberg)

Com polêmica de arbitragem e grande jogo tático do Galo de Limeira-SP F7, nesse sábado (16) ocorreu mais uma rodada do Campeonato Paulista F7 na Arena Nacional.

Válido pela 3ª rodada o Independente de Limeira-SP recebeu o favorito Santos FC e fez uma excelente partida. Na estratégia o Galo de Limeira igualou o jogo contra o Peixe, anulou suas principais jogadas e levava muito perigo nos contra-ataques.

Fruto de um estudo e análise muito bem feita pela Comissão do Galo de Limeira-SP passado os atletas da equipe que deram um show de organização e disciplina tática. Fatores que fizeram que jogo fosse controlado o tempo inteiro. Time da baixada tinha a posse de bola e tentava criar as melhores chances, já o Galo de Limeira-SP marcava forte, explorava os contra-ataques com muito perigo.

O jogo: Santos com posse de bola e Independente explorando com inteligencia sua estratégia e ‘show’ de organização tática para complicar o jogo para equipe da Baixada. O Santos é um dos melhores times do F7 de SP e de certo forma foi surpreendido pela excelente atuação e pela consistência no jogo do Galo de Limeira. Primeira etapa termina sem a abertura do placar, um empate em 0x0 com o sistema defensivo do Galo de Limeira anulando as principais jogadas do Peixe. No segundo tempo o Santos partiu para cima, mais uma vez com seu sexteto de velocidade, e aos 6´00 minutos Léo, goleiro do Galo, fez excelente defesa e parou o ataque do time da baixada. Na sequencia da partida os contra-ataques do Independente de Limeira-SP passaram a causar  “dúvida” na defensiva do Santos, faltando 10´00 para o fim em uma saída rápida, iniciada por Léo, lançamento para Cleudo, que disputa a bola com a zaga do Santos e ela sobra no meio para Bruninho, que acabará de entrar na partida, o Ala recebeu de frente, trouxe para canhota e bateu “seco” para por o time do interior na frente do marcador. Na sua primeira jogada na partida Bruninho brilha e dá vantagem importante para o Galo. Na sequencia a esperada pressão do Santos FC até que à 4´00 minutos para o fim veio o lance que revoltou atletas e comissão técnica do Independente de Limeira-SP.

A revolta: Bem postados e sem dar chance para maioria dos ataques do time da Vila Belmiro, o Independente de Limeira se aproximava da vitória, até que as 21´00 minutos da segunda etapa o Santos levou vantagem numa disputa de bola, o atleta do time da baixada fugiu da falta e em um segundo lance arrematou para bola explodir na trave com leve desvio de Léo, goleiro do Galo. Enquanto o atleta do Santos se dirigia para bater tiro de canto veio a surpresa para as duas equipes, a arbitragem volta atrás num lance completamente atrasado para apontar falta na entrada da área em favor do Santos FC, para surpresa inclusive de jogadores do Santos FC. A marcação causou muita polêmica, discussão e como resultado o Peixe empataria o jogo na cobrança de falta inexistente.

Ficha Técnica:

Campeonato Paulista F7 – 2017

2º Turno – 3ª rodada

Arena Nacional

Independente de Limeira 1×1 Santos

Gol Galo: Bruninho

Escalação: Léo, Éder e Carlos, Renan, Xavier, Alemão e Pardal

Suplentes: Andrey, Tiquinho, Emanuel, Bruninho, Cleudo, Fábio

Comissão Técnica: Marcelo Pedro, Felipe Figueroa e Bruno Muraca.

 

Galo Análise Tática: Disciplinado, consciente taticamente, esse foi o Galo de Limeira-SP. Felipe Figueroa, membro da comissão técnica, estudou em dois treinos o time do Santo.s FC e passou todos os detalhes e características dos jogadores e a forma de jogo do adversário. No vestiário e pelo Depto Técnico do Galo, com Marcelo Pedro,e o próprio Felipe e Bruno Muraca  todas as informações e estudo foram passados aos jogadores do Galo, onde montaram a estratégia, e os jogadores deram show no cumprimento de suas funções táticas.  Com isso o Galo fez uma das melhores partidas no segundo turno. Éder, um destaque do segundo turno, sintetiza bem a raça e disposição apresentado por TODO O TIME. Outros destaque; bem postado o sistema defensivo do Galo deu raras chances ao time adversário. Ponto a melhorar foi o último passe nos contra-ataques.

 

Atuações:

Léo: Teve 2 ou 3 lances que o fizeram trabalhar de fato e quando chamado salvou o Galo com grandes defesas.

Éder: Parou mais um pivô no segundo turno, dessa vez o Pivô do Santos FC.

Carlos: Deixou sua “marca na partida”. Um dos melhores em quadra, marcou forte, disputou cada jogada e ainda tinha fôlego para arrancadas ao ataque.

Renan: Cresce em jogos decisivos, se não criou muito nessa tarde, compensou com seu posicionamento e marcação forte, roubando e iniciando boas jogadas de ataque.

Alemão: Desafogo da equipe, jogador cerebral, era responsável por pisar na bola, ditar o ritmo e inciar as jogadas de ataque.

Xavier: Sentindo lesão, foi para sacrifício, e sabe quanto os campainheiros confiam nele, segurança que passa aos demais, com primeiro tempo bom, sentiu no segundo tempo. Enquanto esteve em quadra foi sempre importante.

Pardal: Jogou o primeiro tempo apenas, mas em quadra mostrou toda segurança, competitividade e habilidade na partida, protagonizando um dos lances mais bonitos, uma “toca” no meio da quadra, ao lado de Alemão, autor de um “rolinho” desconcertante.

Tiquinho: Não foi feliz em duas finalizações, mas entrou e com muita disposição fechou a Ala esquerda do Santos com muita competência e entendido tático do jogo. Contribui bem.

Andrey: Em jogo diferente, de menos técnica e mais disposição física e raça, teve que sair das suas características de armação e entregar muita marcação e disciplina tática, onde, como os demais, deu sua parcela importante de contribuição.

Cleudo: Entrou também com a mesma “pegada” do time, contribui demais taticamente e no lance do gol brigou com zagueiros do Santos pela bola. Deu sua parcela também.

Bruninho: Brilhou em seu primeiro lance. Com menos de 1 minuto em quadra entrou e foi suficiente para balançar as redes. Gol fundamental para coroar o grande jogo do Galo de Limeira.

Situação na Competição:

Fala Galo:

Entrevista de alguns personagens do jogo;

 

Fala Professor; Marcelo Pedro

Foi um jogo onde igualamos a equipe do Santos na forma de jogar.
Mas sempre respeitando a equipe adversária e dentro de nossa proposta que seria o contra ataque.
Aos 3 tivemos uma chance com Renam , aos 15 com Alemão que tento tirar do goleiro e nos minutos finais do primeiro tempo ainda tivemos uma chance com Tiquinho. Nesse jogo estávamos todos muitos dedicados ,entramos para dar a vida pelo jogo.
Nossos atletas todos muito comprometidos a dar o seu melhor .
Aos 18 do segundo tempo colocamos nossa arma mortal de velocidade e habilidade Bruninho e em seu primeiro lance fez o gol ,onde forçou a equipe do Santos a sair mais.Tivemos mais oportunidades mais não soubemos aproveitar e um erro da arbitragem que marcou uma falta próximo da área ,infelizmente tomamos o empate. Mas saímos satisfeitos com o resultado,mas tristes por sentir o gosto que camisa pesa. Esse empate com gosto de Vitória dedico a,minha esposa que sempre me apoia , comissão técnica ,Diretoria ,Bruno Mogi, Kiko, Felipe Mota e Allan que não pode estar conosco uns por lesões e outros por compromissos.

 

Fala Pedalastico; Renan

 Jogo muito equilibrado, conseguimos fazer o que nos foi proposto, fechar a bola de pivô do Santos, e sair no contra ataque, como o aux Felipe (Figueroa) nos passou da equipe deles, já fomos para o jogo sabendo as principais jogadas tanto de ataque como as 2 de escanteio, onde ajudou bastante. Conseguimos fechar bem a defesa e tivemos algumas oportunidades de abrir o placar no primeiro tempo com uma boa jogada do Alemão pela esquerda e outra do Pardal…segundo tempo mantivemos a forte marcação e em um bom contra ataque o Bruninho fez o gol. E infelizmente em uma falta que não existiu, o Santos conseguiu o empate, mas é isso, pegamos uma equipe que já joga a um bom tempo juntos e fizemos um grande jogo, estão todos de parabéns… tmj ??

 

Fala Capitão; Léo Ballestero

Achei que começamos ligados no jogo! Equilibrados na marcação e fizemos um primeiro tempo quase perfeito defensivamente! Tive trabalho em uns 3 ou 4 lances no máximo e conseguimos ficar com a bola em muitos momentos! No segundo tempo o Santos perdeu um pouco a paciência e mudou um pouco o padrão para nos pressionar e numa bola longa eu consegui achar o Cleudo que desviou pro Bruninho fazer o gol. Infelizmente em um lance de bola parada bem duvidoso a gente tomou empate e deixamos de jogar! O Santos pressionou mas não virou! Vendemos caro nossos pontinhos!!

 

Fala Xerife; Éder

Pô,  acho q fizemos um jogo taticamente muito bom , anulando as principais jogadas deles e quando tínhamos a bola acabamos sendo mais perigoso o Santos. Deixamos a Vitória escapar por detalhes. em uma bola parada ainda por cima. Pois eles não conseguiram criar muito, Não tiveram muito espaço

Fala Guerreiro; Carlos

Eu achei um jogo técnico demais das duas equipes.Porém sabíamos da dificuldade de enfrentar o Santos, mas conseguimos encaixar nossa marcação certinha e a equipe do Santos não conseguiu colocar suas jogadas em pratica porque nossa equipe estava postada certo dentro de quadra…
No primeiro tempo não teve muitos perigos de gols, as duas equipes chegaram mas não com facilidade.
No segundo tempo nosso time continuou da mesma forma mais ou menos aos 8 minutos do segundo tempo conseguimos um gol, a equipe do Santos teve q sair mais para o ataque mas estamos bem demais na marcação, o juiz deu uma falta que no meu ponto de vista não foi, e foi aonde a equipe do Santos achou o gol de empate… Mas continuamos postados certinho e o jogo acabou empatado, não saímos com a vitoria mas a equipe Independente de Limeira esta de parabéns, jogamos com técnica raça e vontade agora e descansa e pensar no próximo jogo…

 

Brilha Moleque; Fala Bruninho

Sabíamos da dificuldade do jogo, enfrentar o Santos é complicado. Estamos vindo de um bom segundo turno, somos um time que muita gente não acredita e podemos surpreender na disputa sim. Estamos no caminho certo, se mantermos o foco e objetivo vamos chegar longe. Sobre meu gol, por tá começando agora no F7 to muito feliz e que possa vir outros.