Com substituto de D’Ale definido, Inter está pronto para pegar o Juventude; veja o time

O técnico Guto Ferreira optou por não fazer mistério antes do duelo entre Inter e Juventude, em Caxias do Sul, neste sábado, a partir das 16h30, no Alfredo Jaconi. Por conta de dores musculares sentidas no jogo-treino contra o Cruzeiro-RS, no final de semana passado, D’Alessandro fica de fora da viagem e não joga o clássico estadual. O chileno Felipe Gutiérrez será o seu substituto.

Eduardo Caspary
Jornalista formado pela PUCRS em agosto de 2014. Dupla Gre-Nal.

Crédito: Foto: Inter/Divulgação

Na teoria, o substituto natural do camisa 10 é o meia Camilo, contratado junto ao Botafogo na reta final do primeiro turno da Série B. Mas, assim como D’Ale, Camilo também tem lesão muscular e deve voltar em três semanas. O jovem Juan seria uma outra alternativa, mas Guto optou mesmo pela entrada de Gutiérrez no setor de armação.

LEIA MAIS:

D’Alessandro revela qual motivo o fez decidir sair do Inter em 2016

Quem chega e quem sai dos clubes?

 

Narrador sofre a primeira consequência após comentário sobre Bolaños

“Quanto a esconder o time, eu só não afirmo. Quem acompanha meus trabalhos no dia a dia, sabe que raramente ou nunca fiz trabalho de madrugada (risos). O que se trabalha, se tende a ir para o jogo. Nunca confirmo porque em algum momento posso fazer algum tipo de mudança, por causa do adversário ou porque nossa equipe pode estar com algum tipo de problema”, explicou Guto na coletiva de imprensa prévia à Juventude x Inter.

Outro desfalque importante do Inter para a partida é o volante Rodrigo Dourado, que recebeu o terceiro cartão amarelo na rodada anterior contra o Paysandu, no Beira-Rio. Mas, neste caso, Guto sequer chegou a ter dúvidas. O treinador vai lançar Charles desde o início em Caxias do Sul.

Desta forma, o Inter para pegar o Juventude no Alfredo Jaconi tem: Danilo Fernandes; Cláudio Winck, Klaus, Cuesta e Uendel; Charles, Edenílson, Gutiérrez, Sasha e Pottker; Leandro Damião.

Depois de tanto sofrimento e protestos da torcida no primeiro turno, o Inter vive uma espécie de calmaria na tabela da Série B. Com seis vitórias consecutivas (Oeste, Goiás, Guarani, Londrina, ABC e Paysandu), o time pulou para a liderança com 42 pontos, com cinco a mais que o primeiro time fora do G-4, que é o Paraná. O Juventude é o 6°, com 34.