Futebol

Éverton Ribeiro elogia parceria ‘inédita’ com Diego: “Quanto mais qualidade, melhor”

Publicado às

Esportista de hobby, mas jornalista de profissão. Trabalhou como repórter do O Estado de S. Paulo, Revista TÊNIS. Tênis Virtual e CurtaTÊNIS em coberturas nacionais e internacionais de grandes eventos.

Crédito: Reprodução/ESPN Brasil

Pela primeira vez desde que chegou ao Flamengo, o técnico Reinaldo Rueda pôs em campo Diego e Éverton Ribeiro desde o início de uma partida. E não se decepcionou – neste domingo, o Rubro-Negro venceu o Sport por 2 a 0 com direito a uma atuação de gala de Ribeiro. Ele deu o cruzamento do primeiro gol, marcado por Guerrero, e fez o segundo aproveitando passe de Berrío.

Após o duelo, o camisa 7 comentou sobre as instruções passadas por Rueda a fim de extrair o melhor dele e de Diego. Acostumado a jogar mais aberto pela direita, Éverton Ribeiro começou do lado oposto, mas sempre trocando de posição com Gabriel e, é claro, com o camisa 35.

“Ele pediu para começar pela esquerda, para dar amplitude à equipe, mas me deixou livre. Se a gente precisasse trocar, o faríamos. No final do primeiro tempo o fizemos um pouco para dificultar a marcação e acho que deu certo a variação (…) Quanto mais qualidade do nosso time, melhor para todo mundo”, avaliou o meia.

Destaque da vitória, Éverton também deixou claro que entende se não for escolhido por Rueda para iniciar as partidas. Vale lembrar que, para a final da Copa do Brasil, o jogador não pode atuar.

“Tem certos jogos que, dependendo da outra equipe, precisamos de um pouco mais de profundidade ou ir por dentro. Temos a Copa do Brasil, que infelizmente não poderei jogar e o professor precisa entrosar o time que vai para a final. Eu entendo e quero ajudar o máximo possível”, encerrou o craque.

Antes de retomar a campanha no Campeonato Brasileiro, o Flamengo tem pela frente a Chapecoense, em partida válida pelas oitavas de final da Copa Sul-Americana. Éverton certamente estará em campo junto com Diego após a bela atuação desse domingo.

LEIA TAMBÉM:
Rueda responde: Éverton Ribeiro e Diego vão juntos daqui para frente no Flamengo?