Lutas

Jon Jones sofre nova punição por causa do uso de esteroides

Publicado às

Colaborador do Torcedores

Crédito: Reprodução: Facebook Oficial Jon "Bones" Jones

Após ter sua vitória sobre Daniel Cormier anulada e perder o cinturão dos meio-pesados devido ao uso do esteroide Turinabol, que acelera o ganho de massa muscular, o norte-americano Jon Jones foi novamente punido pelo doping no UFC. O lutador de 30 anos foi retirado do ranking oficial do Ultimate.

Tanto no ranking ‘peso por peso’, que leva em consideração todas as divisões, quanto nos meio-pesados, Jones deixou a lista dos quinze melhores. Ele tinha voltado ao ranking em julho do ano passado, logo após ter sido liberado de outra suspensão por doping. Naquela época, o atleta ficou um ano fora do octógono e retornou no duelo contra Cormier no UFC 200.

Como já é a sua terceira punição, Jon Jones corre o risco de ser penalizado por até quatro anos. O caso está sendo analisado pela Agência Antidoping dos EUA, a USADA e pela Comissão Atlética da Califórnia. Pelo Twitter, Jones se manifestou e jurou pelos próprios filhos que é inocente. Vale lembrar que o doping com Turinabol foi confirmado após divulgação da contraprova com o exame de urina do lutador. O cartel de ‘Bones’ é de 23 lutas com 22 vitórias (9 nocautes) e 1 derrota.

LEIA MAIS:
JON JONES TEM VITÓRIA SOBRE CORMIER NO UFC 214 ANULADA
JON JONES SE PRONUNCIA NO TWITTER E NEGA DOPING: “JURO PELOS MEUS FILHOS”
CINTURÃO DE JON JONES É CASSADO; UFC ANUNCIA CORMIER COMO NOVO CAMPEÃO