Futebol Internacional

Com um belo futebol coletivo, Liverpool começa voando na temporada

Publicado às

Colaborador do Torcedores

Crédito: Reprodução: Facebook Oficial Liverpool FC

Iniciando a temporada sobre a indefinição da venda de Philippe Coutinho para o Barcelona, o Liverpool mostrou que o time continuou forte, mesmo sem o brasileiro, conseguindo resultados promissores na Champions League e na Premier League, com direito a goleada em clássico.

A temporada europeia começou e os times já iniciaram suas campanhas nas principais ligas do velho continente. O início de temporada no Liverpool parecia ser duvidoso, com a possível saída de Philippe Coutinho para o Barcelona, mas o camisa 10 do Reds permaneceu em Anfield.

O futebol mostra, como muitas vezes, que nenhum jogador pode ser maior que o clube ou existir uma dependência desse atleta. Em campo, nem parece que ausência de Coutinho vem fazendo falta para a equipe.

O time de Jürgen Klopp vem jogando muito bem, com o mesmo ímpeto ofensivo e um futebol bem seguro. O destaque fica pelo trio da frente. Mané, Roberto Firmino e Salah, recém contratado junto a Roma, mostram que o time pode continuar bem ou ser até melhor, com ou sem Coutinho.

Outro fator importante é o meio campo. Herdenson, o capitão, tem feito muito bem seu trabalho na contenção, enquanto Erme Can e Wijnaldum conduzem a bola com qualidade para o trio de ataque aterrorizar as defesas adversárias.

Além disso, existe uma estatística do Liverpool na ausência de seu principal jogador que impressiona. Na última temporada, o Liverpool disputou 36 partidas com Coutinho. Ao todo, foram 20 vitórias, 8 empates e 8 derrotas. Um aproveitamento de aproximadamente 63%. Já sem a presença do camisa 10, foram 11 partidas, com 7 vitórias, 3 empates e apenas 1 derrota.

Na temporada atual, Jürgen Klopp e sua equipe disputaram 5 jogos. Dois pelos Playoffs da Liga dos Campeões, contra o Hoffenheim, e 3 pela Premier League, contra Watford, Crystal Palace e Arsenal, com destaque para esse jogo, onde o placar final foi 4 a 0. Todos eles sem Coutinho. E os números são excelentes: 4 vitórias, 1 empate e 14 marcados.

De reforços, além de Salah, mais dois jogadores chegaram. A primeira contratação foi a Naby Keita, jogador que atual no RB Leizping, que chega só em julho de 2018, pelo fato do Liverpool ter pago a multa rescisória dele. Oxlade Chamberlein chegou, em negociação junto ao Arsenal, reforçando ainda mais o setor ofensivo.

É cedo para sabermos se o nível vai ser mantido, mas a equipe e o treinador sabem a capacidade que podem ter na temporada. Com as contratações feitas e a permanência de seu principal jogador, a fanática torcida vermelha pode sonhar com algo bom nessa temporada.

LEIA MAIS:
KLOPP AFIRMA QUE COUTINHO NUNCA ESTEVE A VENDA E CRITICA OS BOATOS SOBRE O CASO
IMPRENSA ESPANHOLA SE DERRETE POR COUTINHO APÓS GOLAÇO: “DEMONSTROU O QUE VALE”
LIVERPOOL ANUNCIA MEIA EX-ARSENAL QUE RECUSOU O CHELSEA DIAS ANTES