Tenista argentino revela inspiração em Neymar para buscar virada na Copa Davis

Foto: Divulgação

Na repescagem para tentar voltar à elite do tênis mundial, a Argentina está em desvantagem no confronto de repescagem contra o Cazaquistão, pela Copa Davis. Mas, se depender da vontade do tenista Guido Pella, os argentinos não vão desistir da virada.

Com 2×1 em desvantagem no confronto melhor de cinco jogos contra a seleção do Cazaquistão, Guido Pella – um dos integrandes da seleção argentina – revelou inspiração em uma frase de Neymar para conquistar a virada na repescagem.

“Como Neymar disse, enquanto houver uma chance de 1%, eu vou ter 99% de fé”, escreveu o tenista argentino, em sua conta pessoal no Twitter.

Na primeira partida da série, o próprio Guido Pella foi derrotado por 3 sets a 1 pelo cazaque Mikhail Kukushkin. No segundo jogo, Diego Schwartzman venceu Dmitry Popko em sets diretos (3×0) e empatou. Já na terceira rodada, a dupla argentina formada por Gonzalez e Molteni perdeu por 3 sets a 1 para Khabibulin e Nedovyesov.

Com a atual situação do confronto, a Argentina vai precisar ganhar os dois jogos restantes para bater o Cazaquistão e voltar à primeira divisão da Copa Davis.

Os próximos jogos são os seguintes:

4ª rodada – Diego Schwartzman (ARG) x Mikhail Kukushkin (CAZ)
5ª rodada – Guido Pella (ARG) x Dmitry Popko (ARG)



Baiano, 22 anos, jornalista em formação pela Universidade Jorge Amado (UniJorge). Apaixonado por esportes em geral, de preferência basquete, tênis e futebol, este último com maior fervor. Contato: victorw10@outlook.com