Futebol

Voltou com tudo: os cinco lances mais bonitos de D’Alessandro no retorno ao Inter

Publicado às

Jornalista formado pela PUCRS em agosto de 2014. Dupla Gre-Nal.

Douglas

Foto: D'Alessandro

Crédito: Foto: Ricardo Duarte/Inter

Após um ano emprestado ao River Plate, da Argentina, D’Alessandro retornou ao Inter com uma ingrata – e inédita – missão: liderar o elenco na retomada do clube de volta à Série A. Sim, sem o camisa 10, o colorado se desencontrou ao longo da temporada de 2016 e acabou rebaixado pela primeira vez em sua mais do que centenária história.

Muitos pensavam o contrário, até pelo peso dos 36 anos, mas D’Ale, ao lado de Rodrigo Dourado e Uendel, tem sido um dos jogadores do Inter mais frequentes em campo neste ano atípico. Tamanha assiduidade fez com que o técnico Guto Ferreira poupasse o argentino e os demais titulares na última quarta-feira, data da derrota por 1×0 para o Atlético-MG, em casa, pelas quartas de final da Primeira Liga.

LEIA MAIS NOTÍCIAS:

Destaque do Sport, jovem meia lamenta ter tido poucas oportunidades no Inter

Na torcida pelo Inter, Anselmo ainda não acredita no rebaixamento: “Me pergunto até hoje”

“Sou um dos que mais jogou este ano pelo Inter. Estou muito orgulhoso disso. O velhinho está aí, aguentando, jogando até 90 minutos”, brincou D’Alessandro em entrevista coletiva no dia 15 de agosto.

Contratado pelo Inter no meio de 2008, o canhoto só não está no Inter de forma ininterrupta desde então pelo empréstimo ao River em 2016. De lá para cá, D’Ale participou de títulos importantes como a Copa Sul-Americana de 2008, a Libertadores de 2010 e a Recopa Sul-Americana de 2011.

E será que D’Alessandro voltou em plena forma? Separamos, abaixo, cinco lances em que o argentino mostrou sua classe no retorno ao Inter para a temporada de 2017:

Sem deixar cair! Gol de perna direita no empate em 1×1 com o Caxias, pelo Gauchão:

De falta e no ângulo: Inter 3×0 Sampaio Corrêa pela Copa do Brasil:

Frieza na frente de Fernando Prass e chute com categoria: Inter 2×1 Palmeiras, também pela Copa do Brasil:

Combo D’Ale: domínio perfeito + “la boba” contra o Fluminense, pela Primeira Liga:

 Assistência ainda antes da linha do meio campo para Damião: Inter 3×2 Paysandu, na Série B:

*Este artigo tem parceria com a Fan Page “Como é Bom Ser Colorado” – curta abaixo!