Futebol

Alexandre Talento explica apelido e comemora momento na Grécia

Publicado às

Colaborador do Torcedores

Crédito: Foto: Divulgação/Kallithea

Chamado de Alexandre Talento, o jovem meio campista de apenas 21 anos explicou como ganhou esse apelido de “talento” e ainda falou a respeito do bom momento que tem vivido na carreira atuando no futebol da Grécia, na segunda divisão no Kallithea.

“Em Oswaldo Cruz, na zona norte do Rio de Janeiro, jogava bola com meninos mais velhos. Quando tinha nove anos de idade, jogava com a galera de 13, 14 anos. Em uma dessas “peladas”, um amigo meu disse que eu tinha talento para jogar bola. A partir daí o apelido “Talento” pegou e agora até os gregos me reconhecem assim”, contou.

Revelado pelo time carioca do Bonsucesso, onde não teve muitas oportunidades e com passagem pelas categorias de base de Botafogo, Madureira e Portuguesa-RJ, Alexandre Talento resolveu se arriscar em um futebol e uma cultura totalmente diferentes a habituada, transferindo-se para a Grécia.

“O começo tem sido excelente. Tenho tido sequência e estou conseguindo manter uma regularidade também de atuações. Minha maior dificuldade no inicio foi o idioma. Não falava nada de grego e nem de inglês. Tive que “apelar” em algumas situações para o Google Tradutor para me comunicar. Tirando a dificuldade com o idioma, não tive mais problemas. Hoje já falo bem o inglês e me comunico facilmente. Os gregos gostam muito de brasileiros, isso facilitou”, afirmou.

Após se destacar na última temporada, sendo um dos principais nomes do Kallithea, Alexandre Talento tem sido sondado por equipes da primeira divisão da Grécia. Ele revelou ter o desejo de voltar a jogar no Brasil, mas ressaltou estar focado em sua equipe na Europa. “É focar em melhorar cada vez mais, e manter o bom momento que estou vivendo”, completou.

LEIA MAIS:
INTER DE MILÃO X SAMPDORIA: ASSISTA AOS GOLS DO JOGO PELO CAMPEONATO ITALIANO
ADIDAS EM PARCERIA COM POGBA LANÇA COLEÇÃO DE ROUPAS DO JOGADOR; CONFIRA
MEIA DIZ QUE FOI INSTRUÍDO PELO PRÓPRIO TÉCNICO A PROVOCAR NEYMAR: “CONSEGUI IRRITÁ-LO”