Futebol

Cássio admite “deslizes” em 2016 e diz o que fez para dar volta por cima no Corinthians

Publicado às

Colaborador do Torcedores

Corinthians

Crédito: Foto: Reprodução/Esporte Interativo

Cássio é sem dúvida um dos maiores ídolos da torcida do Corinthians na atualidade, lembrado como um dos heróis da conquista da Libertadores e do Mundial em 2012. No entanto, em 2016, o goleiro de 30 anos passou por um de seus piores momentos no clube, chegou a perder a posição para o reserva Walter e viveu maus bocados.

O técnico do Timão ainda era Tite e o principal fator alegado por Cássio pela queda no rendimento havia sido a morte de sua avó, que era muito próxima.

É uma parte (a morte da avó), a outra ele sabe, eu já conversei, em outro componente, mas vou preservar o vestiário. Essa parte é nossa, vamos esclarecer isso aí. Estamos aqui para apoiar. Conversamos legal sobre isso. No momento oportuno vocês vão saber“, declarou o treinador à época, deixando claro que outros fatores explicavam a perda de titularidade.

Em entrevista ao programa “No Ar com André Henning“, do Esporte Interativo, nesta quinta-feira (26), o goleiro da Seleção Brasileira admitiu alguns deslizes que teve na época e contou também o que fez para retomar a titularidade e a boa fase no Corinthians nesta temporada.

Eu estava jogando por água abaixo tudo que construí, minha história no Corinthians. No ano passado eu tive alguns deslizes, que me fizeram perder a posição, que me fizeram oscilar como goleiro titular“, admitiu o goleiro.

Nas férias eu conversei com a minha família e com minha noiva, pensando no que eu queria para a minha vida, o que eu esperava para o meu futuro. E comecei a ver que tinha que abrir mão de algumas coisas que não me agregavam: amizades, cuidar mais da minha alimentação, parar de tomar bebida alcoólica… Uma série de coisas que fez muita diferença“, revelou o camisa 12 do Timão, que comia muito hambúrguer, massas e pizzas em horários errados.

Sim [fui barrado merecidamente], porque eu me descuidei e o outro goleiro estava bem, o Walter. Foi um pouco de acomodação“, completou.

Mudança

Cássio revelou que a atitude para mudar os hábitos começou ainda nas férias e hoje ele colhe os frutos com a titularidade no Corinthians e vaga entre os convocados da Seleção Brasileira.

O que está acontecendo hoje, não começou na pré-temporada, começou antes. Nós nos apresentávamos no dia 11 ou 12 de janeiro, mas eu já comecei minha pré temporada no dia 1º com meu irmão. Nós fazíamos corridas, caminhadas, passamos a cuidar da parte de alimentação“, revelou o camisa 12 do Corinthians.

Quando perdi a posição fui muito criticado e confesso que fiquei chateado. Muita gente dizia que eu nunca mais ia jogar no Corinthians, que eu estava acabado. E isso serve de motivação também“, completou.

Próximo compromisso

Depois de perder para o Botafogo na última segunda-feira, no Rio de janeiro, o Corinthians retorna a campo neste domingo (29), às 17h (horário de Brasília), contra a Ponte Preta. A partida é válida pela 31ª rodada do torneio e será disputada no estádio Moisés Lucarelli, em Campinas.

LEIA MAIS:

MERCADO DA BOLA: TIMÃO ADMITE INTERESSE EM TROCA DE JOGADORES COM O BAHIA

MOISÉS ESTRANHA PRESSÃO “MAIOR” NO PALMEIRAS NA BRIGA COM O LÍDER: “NÃO VAI COLAR”

ROGER FLORES FALA SOBRE POLÊMICO PÊNALTI PERDIDO NO TIMÃO

ROGER FLORES BRINCA SOBRE APELIDO NO TIMÃO: “QUASE FIZ COMERCIAL DAS HAVAIANAS”