Tênis

Em Paris, seis tenistas lutam por duas últimas vagas para o ATP Finals: veja cenário

Publicado às

Esportista de hobby, mas jornalista de profissão. Trabalhou como repórter do O Estado de S. Paulo, Revista TÊNIS. Tênis Virtual e CurtaTÊNIS em coberturas nacionais e internacionais de grandes eventos.

Crédito: Divulgação

Após as classificações de Marin Cilic e Grigor Dimitrov, oito tenistas começaram a semana no Masters 1.000 de Paris disputando as duas vagas restantes para o ATP Finals, torneio que reunirá os oito melhores da temporada. Anteriormente já estavam garantidos na O2 Arena, em Londres, os seguintes nomes: Rafael Nadal, Roger Federer, Alexander Zverev e Dominic Thiem.

Nos primeiros três dias de torneio no Palácio de Esportes Paris-Bercy, o norte-americano Sam Querrey foi o único que já dos oito postulantes a ter entregado os pontos. Semifinalista em Wimbledon, o número 13 do ranking mundial foi eliminado ainda na estreia do evento francês para o qualifier sérvio Filip Krajinovic, 77º do mundo, por 6/4 e 6/4.

Outro que deu adeus ao torneio foi o espanhol Pablo Carreño Busta. Número 11 do ranking, o ibérico foi batido pelo local Nicolas Mahut por 6/4 e 6/1, porém ainda não está descartado do Finals.

Como ocupa atualmente a nona colocação do ranking da temporada, ele terá que “secar” os outros concorrentes para se garantir em Londres. Mais precisamente o argentino Juan Martin Del Potro, o sul-africano Kevin Anderson e os franceses Jo-Wilfried Tsonga e Lucas Pouille.

Para Anderson, vice-campeão do US Open, basta chegar às quartas para já ultrapassar Carreño Busta na corrida do ano, enquanto Tsonga e Del Potro precisam de semifinal. Já Pouille precisa chegar à final em casa para ter chances mínimas de classificação.

Como no top 8 da corrida do ano há ainda o suíço Stan Wawrinka (em 7º mas que não jogará mais por causa de lesão no quadril), Carreño Busta hoje é o oitavo melhor de 2017. Dos seis outros postulantes ao Finals, o único que está acima do espanhol é o belga David Goffin. Campeão do ATP 500 de Viena na semana passada, Goffin é o sétimo melhor e se classificará para o evento final da temporada desde que chegue às semifinais em Paris.

Veja só como está a briga pelo ATP Finals de Londres:

  1. Rafael Nadal (ESP) – 10.465 – classificado ao ATP Finals
  2. Roger Federer (SUI) – 9005 – classificado ao ATP Finals
  3. Alexander Zverev (GER) – 4400 – classificado ao ATP Finals
  4. Dominic Thiem (AUT) – 3725 – classificado ao ATP Finals
  5. Marin Cilic (CRO) – 3625 – classificado ao ATP Finals
  6. Grigor Dimitrov (BUL) – 3560 – classificado ao ATP Finals
  7. Stan Wawrinka (SUI) – 3150 – fora por lesão no quadril
  8. David Goffin (BEL) – 2.885 – garante vaga se chegar à SF
  9. Pablo Carreño Busta (ESP) – 2615 – torce para que Anderson não chegue às QF, e Del Potro e Tsonga às SF
  10. Novak Djokovic (SRB) – 2585 – fora por lesão no ombro
  11. Sam Querrey (USA) – 2535 – eliminado em Paris e fora da briga
  12. Kevin Anderson (RSA) – 2470 – classifica-se caso conquiste o título em Paris
  13. Juan Martin Del Potro (ARG) – 2415 – classifica-se caso conquiste o título em Paris
  14. Jo-Wilfried Tsonga (FRA) – 2310 – classifica-se caso conquiste o título em Paris
  15. Andy Murray (GBR) – 2290 – fora por lesão no quadril
  16. Lucas Pouille (FRA) – 2145 – precisa chegar à final em Paris para ter chances

Você conhece os melhores sites de apostas do mercado? O OddsShark te indica!