F1: Hamilton afirma que seria um privilégio ter Ricciardo como companheiro de equipe

Publicado às

Colaborador do Torcedores

Crédito: Foto: Reprodução/Twitter

Após a confirmação da renovação do contrato de Max Verstappen com a Red Bull, as grandes equipes passaram a ter Daniel Ricciardo como alvo. E questionado sobre a possibilidade de ter o australiano como companheiro de equipe no futuro, Lewis Hamilton afirmou que seria um privilégio.

Alguns dia atrás, Daniel Ricciardo declarou em uma entrevista que gostaria de um dia correr ao lado de Lewis Hamilton. O piloto australiano, que tem contrato com a Red Bull até o final da próxima temporada tem sido alvo de boatos, os quais o colocam na mira de Ferrari e Mercedes a partir de 2019.

E  pelo visto, o desejo de uma possível dupla com Hamilton é recíproca: questionado sobre essa possibilidade, o piloto inglês e atualmente líder do mundial, garantiu que seria um privilégio correr ao lado do australiano:

“Daniel é um piloto fantástico, seria um privilégio correr com ele. Ele é um grande personagem, sempre traz muita positividade dentro de seu time”, declarou Hamilton em entrevista para o site Motorsport.com. “Eu acho interessante, acho legal. Recebo como elogio que as pessoas dizem que querem correr contra mim.”

“Eu realmente não acredito necessariamente que as pessoas querem estar ao meu lado, porque nem sempre isso é necessariamente o melhor para um indivíduo. Mas, em alguns casos, pode ser uma coisa realmente boa porque pode ajudá-lo a crescer.”

“Você olha para Daniel, ele tem um ótimo piloto como companheiro [Max Verstappen] e, para ser sincero, ele realmente deve trabalhar para superá-lo primeiro.”

“Você sempre tem que vencer a pessoa que está ao seu lado, antes que você possa olhar para competir contra outras pessoas e vencê-las. Há muitos grandes pilotos aqui com quem eu ficaria feliz de correr contra.”

Vale lembrar que o contrato de Lewis Hamilton com a Mercedes terminará ao final da próxima temporada, mas é muito provável que o piloto inglês renove com a escuderia alemã.

LEIA MAIS:
F1: VERSTAPPEN CLASSIFICOU COMO “NORMAL” SUA IRRITAÇÃO APÓS PUNIÇÃO NO GP DOS EUA
F1 2017: HAMILTON AINDA MAIS PERTO DO TÍTULO! CONFIRA A CLASSIFICAÇÃO APÓS O GP DOS EUA